O grupo que administra a Bolsa de Nova York (NYSE) anunciou esta semana que Stacey Cunningham assumirá sua direção a partir desta sexta-feira (25).

É a primeira vez que uma mulher assume a direção do grupo, que já tem mais de 200 anos de história.

Cunningham tem 43 anos e trabalha no grupo desde 1996. Naquela época, fazia parte de um time de pouco mais de 30 mulheres entre os 1.300 funcionários que trabalhavam no pregão nova-iorquino, de acordo com o “The Wall Street Journal”.

Assumindo sua função amanhã, ela substituirá o veterano Thomas Farley, que dirigia o Grupo NYSE desde 2014. Até então, Stacey era executiva-chefe de operações da companhia. Agora se torna a presidente de número 67 do grupo.

Com a indicação de Cunningham, agora são duas as mulheres no comando das principais Bolsas de Valores dos Estados Unidos. Adena Friedman dirige a Nasdaq desde janeiro de 2017.