CCXP 19: dupla cearense relata a experiência de vivenciar feira de cultura pop

Por Jacqueline Nóbrega
CCXP 19: dupla cearense relata a experiência de vivenciar feira de cultura pop

Um dos maiores eventos de cultura pop e nerd da América Latina, a Comic Con Experience (CCXP) 19 reuniu cerca de 280 mil pessoas durante quatro dia de programação extensa em São Paulo. O evento contou com a participação de atores como Gal Gadot – que apresentou o primeiro trailer deMulher Maravilha -, Ryan Reynolds e parte do elenco de A Casa de Papel, e superou o público das edições de San Diego e Nova York.

LEIA MAIS >> Primeiro trailer de Mulher-Maravilha 1984 é divulgado; assista

Disney anuncia estilista Dudu Bertholini como novo embaixador da franquia Villains

Apaixonadas pela cultura pop e nerd, as cearenses Luciana Santos e Elaine Quinderé visitaram pela primeira a CCXP, e compartilharam as impressões com o Site MT. As experiências incluíram dormir na fila para ver os lançamentos da Marvel, descer na tirolesa da Frozen e conhecer Laerte, ícone entre quadrinistas.

Luciana e Elaine também participaram de vários paineis, viram cosplays e aproveitaram as ativações das marcas, que são ações interativas com os consumidores a fim de promover produtos e outros lançamentos.

Veja o depoimento das duas participantes:

Luciana B. Santos, jornalista e colaboradora do site Modo Meu

Pela primeira vez na CCXP, Luciana Santos dormiu na fila e curtiu as ativações de marcas

“A CCXP 2019 foi a minha primeira e eu fui achando que também seria a última. Não por achar que eu não ia gostar, mas pensava que seria uma experiência que bastava viver uma vez. Me enganei. Lá tudo é tão incrível quanto todo mundo fala.

A entrada já avisa, não é uma porta, mas um portal para um universo novo. Godzilla andando normalmente pelos corredores, Thor lanchando com a Annabelle, Capitão Codorna de mãos dadas com a Mulher Maravilha.

Meu foco maior na CCXP era participar das ativações, e foi a isso que me dediquei durante quase todos os dias do evento, inclusive na Spoiler Night (noite que antecede a abertura geral do evento).

As ativações são surpresas, em sua maioria interativas, que as empresas participantes preparam para os visitantes do evento. Algumas das minhas preferidas foram a tirolesa da Globoplay, o escorregador de Frozen (Disney), o centro de treinamento contra os Supers, de The Boys (Amazon) e o hotel de Carnival Row (Amazon).

Dormi na fila da CCXP de sexta para sábado pra conseguir entrar no painel da Marvel e de Star Wars. Uma loucura, muita gente com seus colchonetes e mantas pra virar a noite lá. Antes de meia-noite já avisaram que não havia mais vaga.

Além das ativações e painéis, há também a Artists’ Alley, uma área dedicada a quadrinistas que podem exibir e vender seus trabalhos. Valeu a pena passar lá e ver de perto alguns dos meus artistas preferidos.

A CCXP é um mundo e coisas mágicas acontecem lá dentro. Fui preparada pra encarar as filas – lá se pega fila pra TUDO, mas vale muito a pena. Já planejo ir de novo!”.

Elaine Quinderé, consultora de estilo

Elaine Quinderé apelidou o evento de ‘CCXFila’

Fui pra CCXP 2019 (carinhosamente apelidada por mim de CCXFila) com o coração aberto e pronta pra qualquer coisa. De início, tava achando tudo bem ok, sem muita empolgação, mas observando que: pra quem está imerso no mundo pop e geek é um prato cheio.

Vi crianças com os olhos brilhando ao ver seus ídolos assinando seus quadrinhos. Vi a mesma expressão no rosto do meu marido que sonhou com isso por 30 anos. Não tem idade mesmo.

Eu não parava de pensar ‘é apenas uma grande Bienal’. Até que eu a vi: Laerte. Assisti ao seu painel e vi ali no palco o humor ácido, cortante e genial que sempre li nas tirinhas. Consegui conhecê-la pessoalmente, o que foi a cereja do bolo. Eu amei a CCXP e esqueci da lotação, das filas e dos fãs que pernoitaram pra assistir aos painéis.

É um prato cheio pra quem ama minimamente o cinema, a literatura, todo o universo pop e a liberdade de ser quem você quiser ser – seja eu, ranzinza pelas filas, seja a criança que se fantasiou de Harley Quinn. Tem mesmo algo mágico na CCXP“.

Fotos: Reprodução/ Instagram

Veja também