Márcia Travessoni – Eventos, Lifestyle, Moda, Viagens e mais

Entre em contato conosco!

Anuncie no site

Comercial:

[email protected]
Telefone: +55 (85) 3222 0801

Como curar a ressaca do Carnaval? Veja dicas

13 fev 2024 | Lifestyle

Por Redação

Nutricionista Lígia Diógenes orienta métodos para lidar com a ressaca após os dias de folia

Para evitar a ressaca, intercale doses de álcool com água e faça refeições equilibradas antes de beber (Foto: Freepik)

O Carnaval é uma época de festa e celebração, mas para muitos foliões, também pode significar enfrentar os temidos efeitos da ressaca. Em vista disto, a equipe MT entrevistou a nutricionista Lígia Diógenes, que orienta dicas sobre como lidar com a ressaca após os dias de folia.

LEIA MAIS >> Camarote Nº1: Anitta, Sabrina Sato e Lore Improta arrasam na Sapucaí

Rainha do Baile do Copa, Silvia Braz arrasa com dois looks no Carnaval carioca

Lígia enfatiza que “uma alimentação adequada desempenha um papel crucial tanto na prevenção quanto no tratamento da ressaca”. Alimentos ricos em vitaminas B, como bananas, espinafre e ovos, são recomendados por ajudarem a metabolizar o álcool mais rapidamente.

“Bebidas açucaradas também podem causar desidratação e aumentar a sensação de mal-estar. Optar por alimentos leves, como saladas, grãos integrais, proteínas magras e frutas, pode ajudar a manter o equilíbrio e a energia durante as festividades”, diz a nutricionista.

Contrariando uma crença popular, Lígia ressalta que “comer uma refeição gordurosa pode piorar os sintomas da ressaca”. Opções ricas em nutrientes são a melhor escolha para reidratar o corpo.

Inclusive, a hidratação é fundamental para combater a ressaca, afirma Lígia. Além da água, outras opções como chá de boldo, bebidas isotônicas, água de coco e sucos podem ajudar a repor os eletrólitos perdidos, contribuindo para uma recuperação mais rápida.

Tomar café ajuda a melhorar a ressaca?

Atenção para os foliões que amam café. O impacto da bebida queridinha pelos brasileiros pode variar de pessoa para pessoa quando o objetivo é amenizar a ressaca, explica a nutricionista.

“Enquanto para alguns pode oferecer alívio temporário da fadiga, para outros pode piorar os sintomas”. De acordo com ela, é importante considerar as próprias sensibilidades ao cafezinho pós-festa.

Sono e ressaca

Pode até parecer óbvio, mas é importante lembrar que uma boa noite sono é essencial para quem deseja se sentir bem depois da folia. “Após o consumo excessivo de álcool, o corpo pode estar sob estresse e desequilíbrio. O sono adequado permite que o corpo se restabeleça, reparando tecidos danificados e restaurando os níveis de energia”, afirma.

Segundo a nutricionista, o sono de qualidade ajuda a facilitar o processo de desintoxicação e também auxilia o equilíbrio dos neurotransmissores no cérebro, incluindo aqueles afetados pelo álcool, como a serotonina e a dopamina.

Beba com moderação

Lígia Diógenes ainda alerta que recorrer a métodos não comprovados para curar a ressaca pode ser perigoso. “É importante buscar abordagens baseadas em evidências para prevenir e tratar a ressaca, como hidratação adequada, alimentação saudável e descanso adequado”, diz.

“A moderação é fundamental. Intercale doses de álcool com água, faça refeições equilibradas antes de beber e descanse adequadamente durante as festividades”, sugere Lígia como estratégias para minimizar os efeitos da ressaca no dia seguinte.

Publicidade

VEJA TAMBÉM

Publicidade

PUBLICIDADE