Falar sobre cerâmicas é falar sobre arte. Uma arte, inclusive, que se manifesta na cultura dos povos desde a remota antiguidade. O estudo das técnicas de fabricação e decoração dos objetos de cerâmica é tido como o “alfabeto” de arqueólogos e historiadores, definindo aspectos da vida das antigas civilizações.

Inovação no design

E o mais interessante sobre a técnica artística é que ela aborda diversos segmentos e produtos, alguns, claro, chamaram bastante a atenção do GALERIA por tamanha beleza estética. É o caso de Denise Saboia, artista plástica, professora de cerâmica, que utiliza matérias primas de reaproveitamento para criar peças absolutamente únicas. Osso bovino, chifres e ostras se transformam em pratos, tigelas, taças e copos, com texturas e cores bem característicos, fazendo do trabalho de Denise algo poderoso e identificável. O resultado é chique, e ao mesmo tempo, rústico.

Uma nova maneira de beber chá. Que tal? Peça de Denise Saboia

Já a Bone Ceramics é lifestyle total. Se formos analisar o que a moda tem trazido ao mercado ultimamente – apesar de enxergarmos um tino comercial forte em várias marcas – ousadia, às vezes, falta. Não é o caso da Bone. Imagina só: Vivian de Pontes Vieira produz acessórios usando a mais pura massa de porcelana na confecção. Tudo queimado em altas temperaturas, para ganhar forma e encantar a clientela. O que mais impressionou nossa equipe foi a delicadeza do material. As peças são resistentes à água, têm baixa porosidade e design orgânico. Hoje a marca também produz peças gastronômicas e surpreende com cada novidade, feitas à mão em um atelier localizado no município de Aquiraz.

Brinco folha de carnaúba. Criação de Vivian para a Bone Ceramics 

Direto de São Paulo, Calu Fontes é a síntese da mistura entre a arte da pintura e a arte do manuseio de cerâmicas. Formada em Arquitetura e Urbanismo, começou seu trabalho produzindo presentes para os amigos, porém seu talento merecia o mundo. As pinturas estampadas em azulejos, porcelanas e claro, cerâmicas são um deleite aos amantes do bom gosto. A música e a poesia fazem parte do seu trabalho, onde o clímax é a pluralidade de cores e formas. Grafismos, flores, peixes, borboletas, mandalas e orixás entram em harmonia com sua liberdade criativa.

As pinturas de Calu foram destaque em vários veículos conceituados 

LEIA TAMBÉM: Jaildo Marinho expõe mostra “Origens” na Galeria Multiarte