David Lee já está virando rosto conhecido no Veste Rio, que aconteceu entre os dias 9 e 12 de outubro, no Píer Mauá. Pela segunda vez, o estilista cearense participa da programação da maior plataforma de moda do Brasil, na categoria de Novos Talentos da Vogue. Nesta edição, ele apresentou desfile inédito de sua coleção inverno 2020 e participou de talk com a editora de moda da Vogue Brasil, Vívian Sotocórno.

>> LEIA TAMBÉM: Estilista cearense David Lee se destaca em sua primeira participação no Veste Rio com desfile cheio de identidade

“A coleção fala sobre cores (e como elas são importantes no design da marca) em paralelo a arte urbana, que ao meu ver trabalha tão bem o uso de cores”, explica David sobre as novas peças apresentadas na passarela. Brincando com cores como amarelo, vermelho, azul e laranja, a coleção aposta em mangas oversized e cortes não-lineares. O crochê, um dos DNAs do trabalho do estilista, predomina em quase todas as peças, com pontos grandes e firmes.

Outro destaque do inverno 2020 é a interferência evidente em alguns tecidos, com pinturas manuais do artista urbano Leo Bdss. David conta que, nestas peças, quis construir “um arquétipo de um pintor ou entusiasta de arte trabalhando por linha utilitária e uniforme de serviços”.

Além de surpreender nas passarelas, David Lee foi convidado para participar de um talk com o tema “Moda com Propósito”, ao lado das marcas diaspora009 e Von Trapp, na Arena Santander. A mediação foi da editora de moda da Vogue Brasil, Vívian Sotocórno. Entre as pautas da conversa: a valorização da tecelagem nacional e a cultura negra como protagonista da moda.

Marcelo Von Trapp, Vívian Sotocórno, David Lee e Lia Maria

Após o Veste Rio, a coleção inverno 2020 da marca será apresentada ao público em novembro, na Casa de Criadores, um dos maiores eventos de moda autoral do País.

Fotos: Guilherme Queiroz/Anthenor Neto