Márcia Travessoni – Eventos, Lifestyle, Moda, Viagens e mais

Entre em contato conosco!

Anuncie no site

Comercial:

[email protected]
Telefone: +55 (85) 3242 0333

Descubra os principais mitos e verdades sobre o protetor solar

30 dez 2021 | Beleza

Por Redação

Especialista responde as principais dúvidas sobre o produto mais indispensável do verão

O uso frequente do filtro solar protege contra os dados causados pelos raios UVA e UVB. (Foto: Divulgação)

Com a chegada do verão e das férias de fim de ano, muitas pessoas aproveitam para pegar uma praia. Porém, é indispensável proteger-se do sol. Principalmente porque a exposição prologada, e sem proteção, aos raios UVA e UVB pode trazer sérias consequências, como insolação, queimaduras e até câncer de pele. Por isso, a médica dermatologista Dra. Lara Rosado desvenda os principais mitos e verdades que envolvem o protetor solar. Confira!

LEIA MAIS >> Saravá anima a temporada de Réveillon em Trancoso; veja fotos

Verão 2022: confira as principais tendências para a estação mais quente do ano

É preciso reaplicar a cada duas horas?

Verdade. Se existe exposição solar intensa, como por exemplo: em dias de praia e piscina, ao praticar atividades ao ar livre e em viagens que demandam caminhadas por horas. Nesses momentos, a dica é andar com o protetor solar na bolsa ou no bolso.

A quantidade ideal de produto é o equivalente a três dedos?

Verdade. A quantidade ideal para uma área equivalente à face que corresponde a uma colher de chá. Essa é uma recomendação da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

O mesmo filtro solar do corpo pode ser usado no rosto?

Verdade. Porém, existem produtos com cosmética e veículos mais adequados para o rosto, assim como outros para o corpo.

Não é necessário usar protetor solar em dias chuvosos ou dentro de casa?

Dois mitos. É preciso, sim, usar protetor solar em dias chuvosos ou dentro de casa. O protetor solar deve ser usado o ano inteiro, não importa o tempo ou o clima, pois a radiação UVA está presente nos raios solares o dia inteiro, não importa se está sol ou nublado, quente ou frio. Além disso, a radiação ultrapassa vidros e nuvens e pode manchar sua pele, causar o envelhecimento precoce e predispor o câncer de pele. Outro motivo para usar protetor solar dentro de casa é a luz azul emitida por computadores, celulares, TVs, tablets e outras telas que você possa ter em casa. A luz azul também acelera o processo de envelhecimento cutâneo e predispõe a manchas, alerta a especialista.

Existe um filtro solar específico para cada tipo de pele?

Verdade. Cada tipo de pele exige um protetor solar com cosmética e veículos específicos para melhor adaptação. Além disso, os filtros solares se adequaram às demandas do mercado e passaram a ser fabricados com substâncias coringas que já agem como rejuvenescedores e clareadores. Assim, cada pele com suas exigências específicas terá o protetor ideal.

Publicidade

VEJA TAMBÉM

Publicidade

PUBLICIDADE