A 48ª edição São Paulo Fashion Week teve sua abertura neste domingo (13) com o retorno da Ellus, que não participava da semana de moda desde 2017. A famosa marca brasileira procurou nas suas raízes a inspiração para a nova coleção, que mistura o street style e também traz questões de causas sociais e ambientais.

O desfile manifesto da Ellus aconteceu em frente ao Farol Santander, no Centro de São Paulo. Com um guarda-roupa urbano, que deu fama para a marca, a nova coleção explorou calças jeans, jaquetas corta-vento, calças cargo, trazendo também estampa militar e um estilo esportivo.

A atração musical ficou por conta da cantora baiana Majur, que fez uma grande homenagem à cidade, com as músicas “Sampa“, de Caetano Veloso, e “Não Existe Amor em SP”, de Criolo

Diversos nomes importantes da moda nacional compareceram à abertura da São Paulo Fashion Week. Entre eles, Costanza Pascolato, Alexandra Farah, que esteve em Fortaleza em agosto para participar do MaxiModa, além de outras celebridades, como o cantor e ator Lucas Lucco, que participou também do desfile da Ellus, a atriz e apresentadora Maísa, entre outros.

Meio Ambiente

Apostando em um consumo consciente e também antenados em problemas ambientais e sociais atuais, a Ellus trouxe para o desfile uma parceria com projetos e nomes do esporte, das artes, música que são envolvidos em lutas ambientais.

Uma das parcerias realizada foi com a Route, de Simão Filippe, projeto social que, desde 2011, tem como objetivo educar a população para a preservação do meio ambiente através da limpeza de praias e áreas públicas. Uma das ações junto com a Route foi a limpeza do próprio local do evento, além de projetos de limpeza de praias em Florianópolis e Rio de Janeiro.

Confira alguns destaques do desfile da Ellus, por Zé Takahashi: