Em desfile de alta costura, Dior usa painéis com bordados feministas e sugere mundo governado por mulheres

Por Redação
Em desfile de alta costura, Dior usa painéis com bordados feministas e sugere mundo governado por mulheres

A grife francesa Dior levou temas feministas e de equidade para o desfile de Primavera-Verão 2020 apresentado na manhã desta segunda-feira (20), na Semana de Alta Costura de Paris, na capital francesa. Para exibir as peças da coleção The Female Divine, a diretora criativa da marca, Maria Grazia Chiuri, instalou um mega painel bordado com a frase “E se as mulheres governassem o mundo?” (“What if women ruled the world?”, em inglês) no fundo da passarela.

LEIA MAIS >> Parceria entre Jennifer Lopez e Versace revisita estampa icônica em nova coleção

A frase-mote do desfile é da artista americana Judy Chicago, que estuda a evolução das mulheres desde os primórdios da humanidade. A artista também desenvolveu uma mega instalação nos jardins do Museu Rodin, em Paris, onde o desfile foi apresentado. Judy recriou, em tamanho gigante, a figura de deusa que ela originalmente desenhou na década de 1970, mas nunca foi produzida. A instalação ficará aberta ao público por uma semana após a apresentação.

Todos os painéis que enfeitaram o cenário foram bordados por alunas da Chanakya School Of Craft, escola na Índia que é apoiada pela Dior. A instituição busca capacitar mulheres em um país onde o bordado savoir-faire é reconhecido mundo afora, mas tradicionalmente ainda faz parte do domínio masculino.

Divino feminino

Na passarela, o empoderamento das mulheres ganhou nuances divinas na coleção desenvolvida por Maria Grazia Chiuri. Variações de dourado se mesclaram com tons vibrantes que, unidos a acessórios poderosos, criaram um verdadeiro espetáculo de deusas diáfanas. Vestidos plissados e drapeados imprimiram leveza em alguns looks. Já os tailleurs, em sua maioria dourados, lembravam elementos de esculturas gregas, em um minucioso trabalho de arquitetura dos ateliês da marca.

Fotos: Vogue US

Veja também