Márcia Travessoni – Eventos, Lifestyle, Moda, Viagens e mais

Entre em contato conosco!

Anuncie no site

Comercial:

comercial@marciatravessoni.com.br
Telefone: +55 (85) 3242 0333

Redação:

conteudo@marciatravessoni.com.br
conteudo1@marciatravessoni.com.br

Publieditorial

Cinema nacional: Fecoplay exibe filmes gratuitamente em sua plataforma

14 maio 2021 | Notícias

Por Redação

O curta-metragem documental Tia Ciata aborda o protagonismo feminino negro a partir da história de Hilária Batista de Almeida, personagem importante para a história e cultura brasileira (Foto: Reprodução Fecoplay)

Os amantes da sétima arte terão mais uma oportunidade de conferir alguns dos mais conceituados filmes, entre longas, médias e curtas, produzidos por cineastas de estados de todo o País, como Ceará, São Paulo, Rio de Janeiro e Maranhão, dentre outros. Trata-se do CineSesc, que volta em um formato 100% online por meio da Fecoplay, plataforma de streaming gratuita do Sistema Fecomércio. E a iniciativa não poderia ser mais especial, uma vez que, em 2021, comemora-se os 125 anos do Cinema, em alusão à primeira exibição pública de imagens em movimento, obra dos  irmãos Lumière. 

Desde o início de maio, o público tem acesso à playlist dos filmes da primeira edição do CineSesc do ano. Isso porque a ação será realizada mensalmente, sempre às segundas-feiras. Até setembro, terão sido disponibilizadas na Fecoplay 37 películas, cuja programação será organizada pelas unidades Fortaleza, Centro, Sobral, Crato, Juazeiro do Norte e Iguatu.  

Abordagem

Em cada edição, o CineSesc trará uma abordagem específica, ou seja, um assunto que norteia todos os filmes exibidos ao longo do período. Entre as obras que já estão disponíveis, está o longa “Milagre em Juazeiro”, dirigido pelo cearense Wolney Oliveira. Estrelado por José Dumont, Marta Aurélia e Roberto Bonfim, o filme se passa em Juazeiro do Norte. Em uma missa celebrada pelo padre Cícero Romão Batista, Maria de Araújo é protagonista de um inexplicável fenômeno. Ao receber a hóstia do padre, o símbolo do corpo de Cristo torna-se sangue, tido por muitos como um verdadeiro milagre. 

Além disso, entram na programação os documentários “Tia Ciata” (Livre), de Mariana Campos e Ana Beatriz Silva; “Nambuaçu – Promessas São Promesas” (Livre), de Tairo Lisboa”; “Boi de Reisado, no Presente dos Passados” (Livre), de Danilo Patrício; “Farinhada: Raízes, Tempos e Memórias” (Livre), de Júnior Vilheira; “Icó: Onde os Caminhos se Encontram” (Livre), de Bruno Kaoss; “Águas da Saudade” (Livre), de Luiz Carlos Lucena.  

“O CineSesc tem o objetivo de estimular a formação de plateia na linguagem do audiovisual. Este ano, e apesar da pandemia, não poderia ser diferente. Diante de todos os desafios impostos, o Sesc seguirá promovendo e incentivando a cultura cearense e brasileira, a partir de uma programação de qualidade que valoriza a produção cinematográfica nacional”, afirma Aline Pinheiro, Gerente de Programação Social do Sesc Ceará.

Clique aqui e assista gratuitamente aos filmes desta edição do CineSesc.

Publicidade

VEJA TAMBÉM

Publicidade

PUBLICIDADE