Fundação Edson Queiroz lança catálogo com mais de 800 obras em São Paulo

Por Lucas Magno
Fundação Edson Queiroz lança catálogo com mais de 800 obras em São Paulo

Foi com o objetivo de reunir em uma só publicação um panorama histórico da arte brasileira que a Fundação Edson Queiroz montou um catálogo exclusivo, com cerca de 870 obras de seu acervo que viajaram o mundo em museus renomados na Europa e nos EUA. Próximo dia 26, a presidente da Fundação, Lenise Queiroz Rocha, lança o livro, em primeira mão, no Itaú Cultural de São Paulo. O evento contará também com palestra do historiador Pedro Corrêa do Lago, às 19h, abordando os principais pontos da obra.

Cinco séculos de arte em uma publicação: Catálogo Coleção Fundação Edson Queiroz. Fotos: Unifor/Divulgação

Dividido em dois volumes, em formato bilíngue, o “Catálogo Coleção Fundação Edson Queiroz” vem sendo desenvolvido há cinco anos. A curadoria é de Regina Teixeira de Barros, com catalogação da historiadora Aracy Amaral e organização do galerista Max Perlingeiro. Em suas páginas, estão catalogados trabalhos influenciados por diversos movimentos artísticos, visto que foram produzidos entre os séculos XVII e XXI.

Balões (1947), por Alberto da Veiga Guignard

Duas figuras (anos 1930), por Ismael Nery

De acordo com Randal Pompeu, vice-reitor de Extensão da Unifor, a publicação apresenta imagens e dados em detalhes de obras de diversas épocas e vanguardas, resultando assim em um consistente banco de dados da arte brasileira e internacional.

Foto principal: Primeira missa no Brasil (1859), por Victor Meirelles 

Veja também