MaxiModa 2019: Senac apresenta Cariri Visceral e anuncia novidades

Por Lucas Magno
MaxiModa 2019: Senac apresenta Cariri Visceral e anuncia novidades

O Senac CE, apoiador institucional do evento, trouxe para o MaxiModa 2019 a presença de Ariane Morais, artista, pesquisadora e instrutora de Moda do Senac Crato, e uma das idealizadoras da cápsula Cariri Visceral. Ela aproveitou o espaço para falar um pouco do projeto e do trabalho realizado pela instituição no interior do Ceará, em uma conversa com Jackson Araújo.

O Cariri Visceral nasceu a partir de uma ideia dos alunos dos cursos de Costureiro, Modelista e Figurinista do Senac Crato. O projeto tem como objetivo traduzir o passado, presente e futuro da região do Cariri, trabalhando a identidade cearense a partir da moda. Foi um ano de trabalho, incluindo pesquisas e execução. 

Ariane afirma que muitos dos alunos não conheciam a própria região. “Utilizamos um tempo para pesquisa, para olhar o entorno e ver o potencial do Cariri”, afirma. Os laboratórios de costura e criação do Senac foram fundamentais para a construção desse projeto. “Tinha final de semana que a gente entrava no laboratório na sexta e só saia no domingo”, completa.

A pesquisadora ainda falou sobre como o projeto se tornou um aprendizado pessoal, não apenas para os alunos, mas também para si.

O Cariri Visceral participou do Dragão Fashion Brasil deste ano e Ariane disse que as novidades não param por ali. Em primeira mão, a pesquisadora afirmou para o público do MaxiModa 2019 que o projeto vai levar o Cariri para o Sudeste. Segundo Ariane, a equipe está em negociação para participar do São Paulo Fashion Week, um dos mais prestigiados eventos de moda do País.

Fotos: Eri Nunes

Veja também