Márcia Travessoni – Eventos, Lifestyle, Moda, Viagens e mais

Entre em contato conosco!

Anuncie no site

Comercial:

comercial@marciatravessoni.com.br
Telefone: +55 (85) 3242 0333

Redação:

conteudo@marciatravessoni.com.br
conteudo1@marciatravessoni.com.br

‘Pequeno Manual Antirracista’ ganha categoria Ciências Humanas no Prêmio Jabuti; veja outros ganhadores

27 nov 2020 | Entretenimento

Por Redação

Nesta sexta-feira (26), a 62º edição do Prêmio Jabuti anunciou os vencedores deste ano. Na categoria Ciências Humanas quem ganhou foi a obra ‘Pequeno Manual Antirracista’, da filosofa e ativista do movimento negro, Djamila Ribeiro. O livro já é considerado um destaque nacional e liderou o ranking dos mais vendidos da Amazon Brasil em junho.

LEIA MAIS >> ‘Precisamos entender que existe uma história que foi silenciada’, diz Zelma Madeira sobre luta antirracista 

‘Pequeno Manual Antirracista’ ocupa primeiro lugar no ranking da Amazon Brasil

A filósofa utilizou as redes sociais para agradecer o prêmio. “Esse pequeno grande livro acaba de ser o vencedor do Jabuti na categoria Ciências Humanas. Uma obra pensada com muito carinho, rigor e compromisso. Um livro que, desde seu lançamento, nunca mais saiu da lista dos mais vendidos. Lido por adolescentes, jovens adultos, adultos e idosos. Em escolas, faculdades, coletivos, grupos de leitura. Já era um livro premiado pelo povo e isso é impagável”, escreveu ela.

A escritora também aproveitou para dedicar o prêmio à filha. “Dedico esse prêmio a minha filha Thulane, com a esperança que as meninas pretas possam sonhar e realizar”, acrescentou.

‘Pequeno Manual Antirracista’ ganhador da categoria Ciências Humanas da 62º edição do Prêmio Jabuti. (Foto: Divulgação)

‘Pequeno Manual Antirracista’ traz dez lições breves para entender as origens do racismo e como combatê-lo, levantando a ideia de que é necessário assumir responsabilidade por essa mudança. Dividida em dez capítulos, a obra trata de temas como atualidade do racismo, negritude, branquitude, violência racial, cultura, desejos e afetos. 

Ao lado de ‘Pequeno Manual Antirracista’, há outras obras escritas por autores pretos ou com temática da história dos negros no Brasil. Entre elas: ‘Minha História’, biografia de Michelle Obama; ‘Escravidão — Volume 1’, de Laurentino Gomes; ‘Mulheres, Raça e Classe’ e ‘Educação e Libertação’ (15º), ambos de Angela Davis; e ‘Racismo Estrutural’ de Silvio Almeida.

Jabuti

O Prêmio Jabuti é dividido em quatro eixos: literatura, ensaios, livro e inovação, que são divididos em 20 categorias. A categoria Livro do Ano premiou pela primeira vez uma mulher pernambucana como vencedora, a escritora Cida Pedrosa, com o livro de poesia ‘Solo de Vialejo’. Trata-se de um longa poema épico-lírico sobre uma viagem do litoral ao sertão.

Confira todos os ganhadores por categoria do eixo “Literatura”:

Conto – “Urubus”, de Carla Bessa (Confraria do Vento)

Crônica – “Uma furtiva lágrima”, de Nélida Piñon (Record)

Histórias em Quadrinhos – “Silvestre”, de Wagner Willian Menezes de Araújo (Darkside)

Infantil – “Da Minha Janela”, de Otávio Júnior (Companhia das Letrinhas)

Juvenil – “Palmares de Zumbi”, de Leonardo Chalub (Nemo)

Poesia – “Solo para vialejo”, de Cida Pedrosa (Cepe Editora)

Romance de Entretenimento – “Um Mulher no Escuro”, de Raphael Montes (Companhia das Letras)

Romance Literário – “Torto arado”, de Itamar Vieira Junior (Todavia)

Publicidade

VEJA TAMBÉM

Publicidade

PUBLICIDADE