Com 1,73 m de altura, manequim 34/36 e 24 anos, a modelo Luana Lobo, natural da cidade de Maracanaú, na Região Metropolitana de Fortaleza, foi coroada Miss Ceará 2019, no último dia 15. Nos preparativos para a cerimônia que irá escolher a Miss Brasil 2018, a ser realizada dia 9 de março, em São Paulo, Luana reservou um tempinho para conversar com a gente sobre sua trajetória até chegar ao Miss Ceará e as expectativas para o futuro.

Com passagem por 18 países, a modelo internacional que já viajou o mundo a trabalho é também poliglota: além de português, fala inglês, espanhol e mandarim. Apesar da carreira consolidada, Luana faz questão de manter os pés no chão. Dona de uma personalidade leve e positiva, a cearense ama praticar esportes e conhecer culturas diferentes.

Confira o ping-pong da entrevista:

Luana, antes de ser Miss Ceará, você teve um carreira consolidada de modelo no Brasil e no exterior. Conta como foi esse período da sua vida.

Minha mãe sempre me incentivou a entrar no mundo da beleza e da moda. Então, participei de um concurso coordenado pelo Dilson Stein (conhecido por descobrir a Gisele) e uma agência especializada em contratos internacionais, Ming Management, me viu e me contatou. Depois daí foi só alegria! Faz oito anos que sigo nessa vida e não pretendo parar. Comecei aos 16 anos, na adolescência, aquele momento que você constrói teu caráter. Se não fosse por essa oportunidade de viver por conta própria, com certeza eu não seria a pessoa que sou hoje, sou muito grata por cada momento, inclusive os mais complicados.

Como foi a preparação para concorrer ao Miss Ceará? Foi algo que sempre quis?

Foi e está sendo bastante intensa. A coordenação do Miss Ceará é referência em preparação e competência, então estou em boas mãos rumo ao Miss Brasil. Quanto a ser Miss, é o que falo: há sonhos em que a gente nasce com eles e outros que adquirimos, e ser Miss é um desses que adquiri.

Após vencer o Miss Ceará, quais as suas expectativas para o Miss Brasil? 

São bastantes altas! Estou trabalhando duro ao lado de uma equipe multidisciplinar, visando trazer mais um título para o nosso tão amado Estado e orgulhar a todos os cearenses.

Você é de Maracanaú e já conheceu mais de 15 países. Quais os lugares mais inesquecíveis que você visitou e o que trouxe de aprendizado de tantas culturas?

Para mim não tem um país em especial, pois cada lugar possui as suas peculiaridades e culturas que me proporcionaram experiências únicas tornando-me exatamente quem sou agora e tenho muito orgulho disso.

Além de viajar, o que mais você curte fazer no seu tempo livre?

Meu hobby é conhecer! Sempre que posso tento alimentar minha mente indo a museus e pontos turísticos. No entanto, quando não estou no exterior e sim aqui no eu Ceará procuro passar o máximo de tempo que posso com as pessoas importantes da minha vida.

No mundo em que a gente vive, é preciso cuidar do corpo e da alma. Divide com a gente o seu segredo para manter o equilíbrio entre corpo e mente no dia a dia.

Respeitar a mim mesma e ao próximo. Na minha opinião é o maior cuidado com a alma que você pode ter. Quanto a parte corporal, adoro me exercitar, é a minha válvula de escape, estou sempre que posso fazendo algo novo. E alimentação equilibrada sempre! Como diz aquele ditado, “você é o que você come”.

Fotos: Anderson de Deus