logo

Regina Casé fala sobre acessibilidade e perda da audição da filha

Por Redação
Regina Casé fala sobre acessibilidade e perda da audição da filha
Regina Casé e a filha, Benedita Zerbini, que descobriu a surdez aos quatro anos de idade. (Foto: Reprodução/Instagram)

A atriz e apresentadora Regina Casé tem utilizado as plataformas digitais para abordar uma pauta cada vez mais importante: acessibilidade. O primeiro vídeo publicado por ela, no último sábado (26), uma homenagem ao Dia Nacional do Surdo, alcançou 2 milhões de visualizações. No vídeo, Regina e a filha, Benedita Zerbini, representam várias cenas do que não deve ser feito com pessoas surdas, exemplos vividos por Benedita, que descobriu a surdez aos quatro anos de idade, assumindo para todos Brasil em julho de 2019, por meio de uma postagem nas redes sociais.

LEIA MAIS >> Dez perfis para seguir e entender o que é a luta pela inclusão da pessoa com deficiência 

‘Ajudo muita gente a ter coragem de quebrar barreiras’, diz Iza em entrevista exclusiva ao Site MT

Em entrevista hoje (2), ao Encontro com Fátima Bernardes, Benedita  disse que ficou muito feliz com a repercussão do vídeo e explicou qual o intuito: “Nossa ideia com foi falar de um jeito que as pessoas conseguissem entender um pouco melhor. Muitas pessoas têm dificuldade de lidar ou têm medo do que os outros vão pensar. Pensei: ‘vamos falar do que acontece no nosso dia a dia.’ Tem diversos níveis de surdez.”

Regina Casé também participou do Encontro e relembrou o diagnóstico de surdez da filha. “O diagnóstico da Benedita eu tive curto e grosso, em um susto. A gente achava que ela estava tendo problema na fala. Ela falava pelos cotovelos, mas tudo embolado. A professora da escola disse: ‘já fez audiometria nela? Às vezes eu chamo todo mundo para a sala e ela fica.'”

“Ela fez o teste e o cara disse assim: ‘ela fala muito bem para quem não ouve nada.’ No início, eu não sabia nem para onde correr. Foi um caminho difícil, mas muito vitorioso”, completou a atriz e apresentadora.

A atriz destacou ainda o quanto ela e a filha tiveram que driblar diversas barreiras, e aproveitou para aconselhar outros pais. “Não aceitem ‘não’. Quantos ‘nãos’ eu tive que vencer. [Falaram]: ‘ela não vai para uma escola regular, ela não poder aprender outra língua’…. A gente se deu a mão e não aceitou nenhum não. Me disseram coisas horríveis.”

Após a repercussão do vídeo e da entrevista, Regina Casé usou as redes sociais para avisar que ela e Benedita estão planejando conversar sobre acessibilidade mais vezes no Instagram. 

Veja também