logo

Dez perfis para seguir e entender o que é a luta pela inclusão da pessoa com deficiência

Por Cintia Martins
Dez perfis para seguir e entender o que é a luta pela inclusão da pessoa com deficiência
Mariana Torquato, criadora do maior canal sobre deficiência do Brasil, é um dos perfis que falam sobre inclusão e acessibilidade. (Foto: Reprodução/Instagram)

No Brasil, o mês de setembro é colorido por diversas cores que chamam atenção para causas importantes e urgentes. Uma delas é o verde, em alusão à luta pela inclusão social da pessoa com deficiência (PCD). Estamos falando do “setembro verde”, campanha nacional de conscientização sobre a importância da inclusão e da acessibilidade em todos os âmbitos, inclusive, o digital, espaço que tem sido utilizado para combater diversas formas de preconceito, como o racismo, a homofobia e o capacitismo. 

LEIA MAIS >> Forbes Brasil lista 20 influenciadores digitais e perfis negros para seguir

Carol Azin inspira autoaceitação e estimula busca pela liberdade no Instagram

Uma forma de preconceito que tem pouco destaque, o capacitismo é o termo usado para descrever a discriminação e a opressão contra pessoas com deficiência, que abrange desde a acessibilidade até a forma como a sociedade trata essas pessoas. Na contramão do capacitismo, existe um movimento crescente, sobretudo, nas plataformas digitais: o “anticapacitismo”, que é representado por influenciadores e criadores de conteúdo, que de forma didática colocam o tema em pauta e ajudam a conscientizar a sociedade sobre a luta pela inclusão da pessoa com deficiência. O Site MT, listou por ordem alfabética, dez influenciadores PCD’s para seguir e entender melhor essas temáticas.

Ana Clara Moniz 

Estudante de jornalismo e youtuber, Ana Clara Moniz, 20, é ativista da acessibilidade, da representatividade e da diversidade. Ela utiliza as plataformas digitais para compartilhar com os mais de 20 mil seguidores os próprios processos de autoaceitação e desconstrução.

Eduardo Victor 

Podcaster por trás do “Deixa em Off”, o carioca Eduardo Victor – mais conhecido como  Dudu -, 20, se dedica aos conteúdos de entretenimento, representatividade e comunidade LGBT a partir da própria vivência como pessoa com deficiência motora e LGBT. 

Gabriel Isaac 

Um dos maiores representantes da comunidade surda no Brasil no ambiente digital, Gabriel Isaac ficou conhecido nacionalmente durante o carnaval de 2019, quando foi convidado pela cantora Anitta para subir no trio elétrico e utilizar uma mochila que captava as vibrações das músicas e passava para o próprio corpo. Ele é o youtuber por trás do Isflocos no Ar, que já conta com mais de 23 mil assinantes.

Ivan Baron

Influenciador da inclusão, como ele próprio se define, Ivan Baron se divide entre o Youtube, Facebook e Instagram abordando de forma leve e didática temáticas sobre deficiência, desconstrução e ancapacistimo. 

LEIA TAMBÉM >> Marissa Pimenta questiona padrões e mostra maternidade real nas redes sociais

Lícia Moreno se divide entre a Medicina e produzir conteúdo no Instagram

Leandrinha Du Art 

No perfil pessoal, a escritora e fotógrafa Leandrinha Du Art, 25, trata sobre militância PCD e LGBT, feminismo, autoaceitação e autocuidado. Ela é colunista da Mídia Ninja e graduando em Teologia. 

Lele Martins

Sociedade, estilo de vida, beleza, autoestima e inclusão são alguns dos conteúdos que a youtuber e criadora de conteúdo Lele Martins traz para as plataformas digitais. Ela se autodefine como “pdc”, preta com deficiência. 

Lorrane Silva

Psicóloga de formação, Lorrane Silva – mais conhecida como Pequena Lo -, 24, faz sucesso contando piadas cotidianas no Instagram e no Tik Tok, onde reúne mais de 1 milhão de seguidores, que amam rir das esquetes que ela compartilha. 

Mariana Torquato 

Criadora do maior canal sobre deficiência do Brasil, o “Vai uma mãozinha aí?”, Mariana Torquato, começou a criar conteúdo para internet por conta da falta de representativa nas plataformas digitais. Diariamente ela traz conteúdos engraçados e educativos sobre acessibilidade e anticapacitismo. 

LEIA AINDA >> Dez influenciadores digitais que inspiram cuidados com a pele

‘Ajudo muita gente a ter coragem de quebrar barreiras’, diz Iza em entrevista exclusiva ao Site MT

Maria Paula Vieira 

A Jornalista, modelo e fotógrafa Maria Paula Vieira traz para o Instagram conteúdos sobre representatividade e inclusão, dividindo com os mais de 11 mil seguidores seu dia a dia. 

Shirley

No Instagram, Youtube e Spotify, com o podcast “Camisetas por Segundo”, o comunicador e ilustrador Shirley – mais conhecido com Hawk – expõe arte, visão de mundo e diverte os seguidores com causos da vida cotidiana.

Veja também