logo

Marissa Pimenta questiona padrões e mostra maternidade real nas redes sociais

Por Redação
Marissa Pimenta questiona padrões e mostra maternidade real nas redes sociais
Gerente de marketing e empreendedora, Marissa Pimenta inspira mulheres a se aceitarem e deixarem de lado o mito romântico da maternidade. (Foto: Alex Campêlo)

Estampas, cores, maternidade, imprevistos, trabalho, dias bons, dias ruins e as demais facetas do cotidiano de uma mulher que busca cada vez mais se conhecer são a base do que a gerente de marketing e empreendedora Marissa Pimenta, 28, compartilha no próprio perfil do Instagram. Com os pouco mais de sete mil seguidores na plataforma, ela compartilha dicas de moda e levanta questionamentos sobre padrões estéticos e maternidade solo. Em entrevista ao Site MT, Marissa conta que não acreditava muito que poderia ser uma influenciadora digital, uma vez que começou a produzir conteúdo como hobby. O foco sempre foi abordar a vida real. 

LEIA MAIS >> Livia Moreno se divide entre a Medicina e produzir conteúdo no Instagram

‘É sobre você amar as belezas e também as diversidades’, diz Ju Ferraz sobre o movimento body positive

“Comecei a mostrar alguns recortes do meu dia a dia, falar sobre autoestima, dar dicas de ‘montações’, e contar os ‘perrengues’ da maternidade. Recebo muitas mensagens de mulheres que se identificam e possuem lutas parecidas. Inclusive, é muito bacana essa troca que a gente pode ter com pessoas que nem conhecemos”, considera.

Moda e padrão

A moda é uma das vertentes presentes na rotina da empresária. Para ela, o vestir é divertido. “Sempre montei looks pensando em mim e não nos outros. Me permito brincar com peças novas, antigas, proporções e camadas fora do padrão – mas padrão para quem, né? Eu sempre me pergunto sobre quem é esse padrão, depende do nicho que eu esteja, posso ser um padrão para mais ou um padrão para menos”, avalia.

Para Marissa, produzir looks sempre esteve associado à diversão e brincar com os padrões estéticos impostos. (Fotos: Alex Campêlo)

Ela diz não gostar da ideia de que existe uma roupa que possa favorecer alguém. “Acredito que roupa é mais sobre o estilo pessoal de cada um e como você fica mais à vontade, mais do que qualquer regra dita sobre proporção e corpos. Costumo falar e escrever sobre moda de forma natural, por exemplo, quando tenho que sair, faço um registro e posto”.

Inspiração

“A frase mais clichê e mais real é aquela que diz que ‘o corpo ideal é aquele que tem uma mulher feliz dentro’. As pessoas focam muito no físico, mas esquecem que se não cuidarem de dentro, dos sonhos, do bem-estar e da saúde mental, aquele corpo se torna apenas um corpo, e quem mora dentro, infeliz”, declara a empreendedora. 

Para ela, é um erro tentar projetar a vida com base apenas no que se vê nas redes sociais, uma vez que a beleza, assim como o ideal feminino, vão para além do corpo. “Eu me sinto muito grata em saber que inspiro mulheres a gostarem mais de si. Tenho total noção que ninguém consegue estar bem consigo mesma o dia todo, contudo acredito que mudanças imagéticas devem ser feitas para remover um desconforto seu, e não de uma sociedade que busca uma perfeição que não existe e é baseada em padrões que não são palpáveis”, observa.

LEIA TAMBÉM >> Conheça a Salt for Beach, marca cearense que aposta no beachwear com glamour

Conheça a Dressa, marca cearense especializada em tecidos finos e vestidos de noiva

Maternidade

Marissa consegue dividir o conteúdo que publica nas redes sociais em diversos temas. No entanto, a maternidade ganhou destaque depois do nascimento de Martin Pimenta, de 2 anos, conhecido pelos seguidores como “Tintin”.

Marissa Pimenta e o filho, Martin Pimenta, de 2 anos. (Foto: Reprodução/Instagram)

Ela afirma que depois que se tornou mãe, todas as escolhas são permeadas pela maternidade, mas que busca tomar decisões respaldadas pela própria felicidade, tentando ser a melhor mãe que Tintin possa ter. “Tento minimizar culpabilidade. Acredito muito que cada mãe tem sua dinâmica com seu filho, isso me faz entender que não sou melhor ou pior mãe”, avalia. 

A criadora de conteúdo destaca ainda que a maternidade não deve ser usada para definir uma mulher, por isso busca desromatizar algumas pautas sobre o universo feminino, para que as mães se sintam abraçadas e inspiradas a serem as melhores versões delas mesmas, independente do que a sociedade diga.

O estilo multicolorido e com sobreposição de acessórios é uma das marcas de Marissa Pimenta. (Foto: Alex Campêlo)

“Questões sobre corpo e aceitação, que muitos falam, são naturais para mim, e deveriam ser naturais para as outras pessoas também. Quero criar uma rede de apoio de mulheres que se apoiam, se questionam e não se limitam a pensamento engessados”, finaliza.

Veja o ensaio de Marissa Pimenta by Alex Campêlo:

Veja também