logo

Coletivo BATEKOO é escolhido por Beyoncé para estrelar campanha da Adidas e Ivy Park

Por Redação
Coletivo BATEKOO é escolhido por Beyoncé para estrelar campanha da Adidas e Ivy Park
A coleção de inverno, batizada de Icy Park, revela peças agêneras, pluralidade de corpos e, especialmente, uma visão própria de moda diversa e inclusiva. (Foto: Reprodução/Instagram)

O coletivo sociocultural BATEKOO foi escolhido por uma das maiores e mais relevantes artistas da atualidade, Beyoncé, para estrelar a grandiosa parceria entre a Ivy Park, grife autoral da artista, com a Adidas no Brasil. A coleção de inverno, batizada de Icy Park, lançada na última sexta-feira (19), revela peças agêneras, pluralidade de corpos e, especialmente, uma visão própria de moda diversa e inclusiva. 

LEIA MAIS >> Conheça Kayla Oliveira, modelo trans cearense recém-contratada pela JOY

Lino Villaventura doa peças icônicas para museus e comemora 43 anos de carreira

A coleção divide-se em peças que visam realçar a relevância das discussões de gênero e raça na sociedade, que não é apenas o foco central da moda proposta por Beyoncé, como também algo defendido pelo coletivo, bem como pela marca. 

A coleção revela peças agêneras com uma visão própria de moda diversa e inclusiva. (Foto: Reprodução/Instagram)

O grupo teve a oportunidade de experimentar as peças da coleção antes dos consumidores para a sessão de fotos. Apesar de terem parceria com a Adidas há mais de um ano, esta é a primeira vez que realizam uma campanha com uma estrela da magnitude de Beyoncé. 

O coletivo baiano, que nasceu em 2014 em Salvador, a cidade mais negra fora do continente africano, entrou no radar da cantora por buscar, assim como Beyoncé, a inclusão, por meio do entretenimento, cultura e informação para a juventude urbana, negra e LGBTQIA+. 

BATEKOO

A campanha une uma das maiores artistas negros do mundo a um dos maiores coletivos/plataformas de pessoas negras e LGBTs no Brasil. “Estamos muito honrados de termos sido escolhidos para representar essa campanha de uma marca que, assim como a BATEKOO, é sobre acreditar em si, em seu coletivo e na liberdade de ser quem você é”,  diz o coletivo nas redes sociais. 

O BATEKOO também se apresenta como festa, onde negros e LGBTs e pessoas fora do padrão de beleza possam se divertir sem medo de sofrer preconceitos, o que transformou a iniciativa em um ícone de liberdade e representação de jovens da periferia no País. A festa, inclusive, já passou diversas casas de Fortaleza (CE). Além disso, a produtora e uma das sócias da festa, Renata Prado, esteve na capital cearense em 2018, para palestrar no Globo Menos 30 Fest sobre a “geração tombamento”, movimento político-cultural organicamente composto por negros e negras, fazendo recorte feminista e LGBTQ+

Veja também