O governador Camilo Santana recebeu, na última segunda-feira (22), no Palácio da Abolição, comitiva de representantes da cidade chinesa Dalian para tratar sobre parcerias entre o Ceará e a China. Entre os pontos altos discutidos, estão políticas voltadas à educação e desenvolvimento econômico

No dia 26 de abril deste ano, Camilo esteve na China para assinar acordo com o prefeito de Dalian, Tan Chengxu, para que alunos e professores de escolas públicas do Estado viajem para intercâmbio no país asiático. Além disso, o Ceará também irá receber estudantes chineses, para troca de experiências culturais, esportivas e educacionais.

Para o governador, a reunião em Fortaleza reafirma o compromisso da gestão pública cearense com investimentos em projetos educacionais e econômicos. “Compreendemos que o que garante a construção de uma sociedade mais justa é investir no capital humano. Por isso o Ceará tem investido na área da Educação como prioridade”, afirmou.

Além disso, Camilo destacou que o Ceará é o estado brasileiro que mais fez investimentos públicos.

“Temos selado muitos acordos internacionais, como é o caso da Companhia Siderúrgica do Pecém e, mais recentemente, do Porto de Roterdã. Devido a localização geográfica do Ceará, temos buscado transformar o nosso estado em um grande centro de conexões com o mundo”, enfatizou. 

Primeiro intercâmbio 

No próximo mês, dez alunos e a diretora da Escola de Ensino Médio Almiro da Cruz, de Barbalha, viajarão para o primeiro intercâmbio em Dalian. Os custos das passagens e despesas com documentação serão pagos pelo Estado. Já a Prefeitura de Dalian irá arca com a hospedagem e alimentação dos estudantes e da diretora.

Desenvolvimento 

Camilo Santana destacou a possibilidade de firmar parceria com os chineses para implantar a Refinaria do Ceará, no Pecém. “Ficamos muito empolgados com as últimas tratativas e estamos otimistas quanto à possibilidade dessa parceria”, ressaltou.