Márcia Travessoni – Eventos, Lifestyle, Moda, Viagens e mais

Entre em contato conosco!

Anuncie no site

Comercial:

comercial@marciatravessoni.com.br
Telefone: +55 (85) 3242 0333

Redação:

conteudo@marciatravessoni.com.br
conteudo1@marciatravessoni.com.br

Cearenses nas Olimpíadas de Tóquio: conheça os representantes do Estado na competição

20 jul 2021 | Notícias

Por Redação

O esquenta para os Jogos Olímpicos de Tóquio já começou! Com start nesta quarta-feira (21), o maior evento poliesportivo do mundo contará, desta vez, com a participação de oito representantes cearenses — e mais dois atletas radicados no Estado — que disputarão medalhas no atletismo, tênis, lançamento de dardo, surfe, vôlei de praia, triatlo, handebol, natação e hipismo.

LEIA MAIS >> Nos EUA, cearense Vittoria Lopes revela detalhes sobre a preparação para Olimpíadas de Tóquio

Professor se reinventa e cria assessoria online de bike indoor

Na lista de representantes cearenses nas Olimpíadas estão: Ana Cláudia Lemos (Atletismo), Thiago Monteiro (Tênis), Laila Ferrer (Lançamento de dardo), Silvana Lima (Surfe), Rebecca Silva (Vôlei de praia), Manoel Messias (Triatlo), Vittoria Lopes (Triatlo) e Adriana “Doce” (Handebol). Também participantes dos jogos, o nadador Luiz Altamir e o cavaleiro Marlon Zanotelli são radicados no Estado do Ceará e federados à Federação Cearense de Desportos Aquáticos (FCDA) e Federação Equestre do Ceará (FEC), respectivamente.

Ana Cláudia Lemos (Atletismo)

Foto: Reprodução/Instagram

Ana Cláudia Lemos foi convocada para o revezamento 4×100 Feminino nos Jogos Olímpicos. A primeira bateria acontecerá no dia 4 de agosto, às 22h (Horário de Brasília). Se classificada, ela partirá para a final no dia 6 de agosto, às 10h30 (Horário de Brasília). Nascida em Jaguaretama, no interior do Ceará, a especialidade dela é os 100 metros rasos, uma das provas mais populares dos Jogos Olímpicos.

Thiago Monteiro (Tênis)

Foto: Reprodução/Instagram

Aos 27 anos, o tenista cearense Thiago Monteiro, número um do país, vai disputar a primeira Olimpíada da carreira. Em junho, impactado com a confirmação da vaga olímpica, o tenista compartilhou o momento de alegria com uma publicação o Instagram. “Mais um sonho de infância realizado, classificamos para as Olimpíadas de Tóquio. Sem palavras para descrever a emoção de viver esse momento, apenas desfrutar e agradecer”, afirmou Monteiro, 81º colocado no ranking mundial. Ele se prepara para simples e também as duplas, que jogará ao lado do gaúcho Marcelo Demoliner. As partidas de tênis nos Jogos Olímpicos terão início em 24 de julho, no Ariake Tennis Park.

Laila Ferrer (Lançamento de dardo)

Foto: Reprodução/Instagram

De Pacatuba às Olimpíadas, Laila Ferrer abraçou a paixão por esportes ao cursar Educação Física na Universidade de Fortaleza (Unifor), em 2005. Com 38 anos, ela será representante da delegação brasileira no lançamento de dardo (atletismo). Na bagagem, ela acumula competições importantes, como os Jogos Pan-Americanos de 2011 e os Jogos Olímpicos de Londres 2012.

Silvana Lima (Surfe)

Foto: Reprodução/Instagram

Cria de Paracuru e duas vezes vice-campeã mundial, Silvana Lima é uma das duas atletas que representarão o Brasil no surfe feminino nos Jogos Olímpicos de Tóquio. Ao lado de Tatiana Weston-Webb, é uma das esperanças da modalidade estreante em Olimpíadas. A atleta fará a sua estreia na quarta-feira (24).

Rebecca Silva (Vôlei de praia)

Foto: Reprodução/Instagram

Rebecca Silva vai representar o Brasil — e o Ceará — no voleibol de praia dos Jogos Olímpicos que começam na próxima sexta-feira (23). A cearense faz dupla com a mineira Ana Patrícia no vôlei de praia, junto a Ágatha e Duda (no naipe feminino). Entre os homens, Álisson e Álvaro Filho, e Evandro e Bruno Schmidt são os representantes olímpicos brasileiros. Ana Patrícia/Rebecca estreiam nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020 (adiados por conta da pandemia de Covid-19) no domingo (25), contra a dupla Makokha/Khadambi, do Quênia, às 23h (horário de Brasília).

Manoel Messias (Triatlo)

Foto: Reprodução/Instagram

Uma das revelações do triatlo masculino, o cearense Manoel Messias é o único triatleta homem que representará o Brasil nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020. Nascido em Fortaleza, Manoel Messias conheceu o triatlo através de um projeto social da Federação de Triatlo Cearense (Fetrice). Com um talento nato, não demorou muito a obter sucesso. Em 2015, quando completou 19 anos, Messias se tornou campeão mundial júnior de triatlo. Em junho deste ano, ele se classificou para os Jogos após conquistar a medalha de prata na Copa do Mundo de Triatlo.

Vittoria Lopes (Triatlo)

Foto: Reprodução/Instagram

A triatleta cearense Vittoria Lopes, jovem de 25 anos, será uma das representantes do Brasil nas Olimpíadas de Tóquio — evento realizado entre 21 de julho a 8 de agosto. A atleta estará na largada da prova feminina, no dia 27 de julho, na baía da capital japonesa, onde competirá na categoria elite, ao lado da paulista Luísa Baptista.

Adriana “Doce” (Handebol)

Brasil x Argentina. Final do handebol feminino dos Jogos Pan-Americanos Lima 2019 (Foto: Mendes Jr)

Natural de Fortaleza, Adriana Cardoso de Castro, carinhosamente chamada como “Doce“, é uma ponta-direita da seleção brasileira feminina de handebol que participará de sua primeira edição olímpica nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020. A jogadora vive grande fase na seleção e tem tudo para ajudar a seleção feminina a finalmente passar das quartas de final na Olimpíada.

Na lista

O nadador Luiz Altamir (Roraima) e o cavaleiro Marlon Zanotelli (Maranhão), radicados no Estado do Ceará e federados à Federação Cearense de Desportos Aquáticos (FCDA) e Federação Equestre do Ceará (FEC), respectivamente, também estarão nas Olimpíadas de Tóquio. Altamir disputará a prova de revezamento 4x200m, enquanto Zanotelli participará das provas de hipismo nos Jogos Olímpicos de Tóquio.

Publicidade

VEJA TAMBÉM

Publicidade

PUBLICIDADE