Data Gov Day debate a transformação digital dentro das secretarias do Governo do Ceará

Por Bruno Brandão
Data Gov Day debate a transformação digital dentro das secretarias do Governo do Ceará
Élcio Batista abriu o encontro que reuniu gestores do Governo do Ceará - Foto: Alex Campêlo

As últimas novidades tecnológicas em ciências de dados voltadas para o setor público foram temas do Data Gov Day, evento promovido pelo Governo do Ceará, por meio do Laboratório de Inovação e Dados (Íris), na manhã desta quarta-feira (22), no auditório do Palácio da Abolição. O evento, que contou com a presença de nomes renomados do setor e gestores do governo, apresentou cases de sucesso que foram implementados e tiveram sucesso com a transformação digital. A Lei de Proteção de Dados também entrou na pauta.

O secretário-chefe da Casa Civil do Ceará, Élcio Batista, abriu o evento defendendo o uso do compartilhamento de dados em todos os setores. Para ele, um dos maiores desafios é mudar a visão das pessoas na forma que eles utilizam os mais diversos serviços.

LEIA MAIS >> Governo do Estado apresenta nova plataforma do Sistema de Saúde
Fiec recebe roadshow de inovação em energia elétrica

“Estamos em um grande movimento em direção ao um governo antenado com as transformações que o mundo vem passando. Essa transformação impacta a economia, a nossa vida e toda nossa percepção. Precisamos mudar a forma como interagimos com os cidadãos e praticamos as políticas públicas. Não podemos ser donos das coisas, nem ser dono dos dados”, destaca.

Inês Vale, Sandra Machado, Fernanda Pacobaiba e Iana Machado
Maiara Mirna, Ivana Guerra e Carmen Cavalcante

O sócio-diretor da Head Analytics EloGroup, Gabriel Renault conversou sobre o tema ‘Governo digital, inteligente e como plataforma’, ele contou como funcionou a implementação do sistema de fornecimento de dados nos portais do Governo Federal. “É fundamental que o governo tenha condições de entregar tecnologia, assim como cada secretária em seus portais. É fundamental unificar as experiências de acesso. O foco é transformar o site do Governo do Ceará em um ‘super apps’, que consiste na integração de diversos serviços em um único aplicativo”. Entre os benefícios dessa unificação, ele elencou a redução de gastos, a rapidez e desburocratização dos serviços, além da eficiência.

O secretário de Saúde do Estado, Dr. Cabeto

Já o secretário de Saúde, Carlos Roberto Martins Rodrigues Sobrinho (Dr. Cabeto), conversou com o público, explanando o sistema IntegraSUS, lançado em agosto passado, parte do Programa de Modernização da Gestão da Saúde do Estado do Ceará, que reúne conhecimento da população e para auxiliar gestores em ações e políticas de saúde.

“Hoje grande parte dos dados da saúde estão disponíveis na internet. As pessoas estão entendendo que podem acessar e ter acesso a informação gratuita. Queremos consolidar uma serie de ações que o governo vem fazendo. Estamos promovendo três pontos fundamentais: trazendo tecnologia e conhecimento para dentro do governo, associando às entidades de ensino e criando uma nova indústria, que é a indústria do conhecimento e dos dados”, pontua.

Marcos Soares, André Siqueira e Marcos Cardeal

Proteção de dados

Por fim, Mariana Zonart e Tiago Furtado, especialistas em Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), que regula as atividades de tratamento de dados pessoais, falaram sobre o tema dentro do poder público.

“A Lei vem para dizer que se pode compartilhar dados, mas é preciso ter responsabilidade e precisa ser compatível com a finalidade que é dita. É fundamental ser capaz de mostrar que se buscou a eficácia da Lei. Basicamente existe um círculo do dado: coleta, uso, armazenamento, compartilhamento e exclusão”, explicou Mariana.

Confira mais fotos por Alex Campêlo:

Veja também