logo

Dr. Cabeto e Igor Queiroz são homenageados pela Academia Cearense de Literatura e Jornalismo

Por Redação
Dr. Cabeto e Igor Queiroz são homenageados pela Academia Cearense de Literatura e Jornalismo
Reginaldo Vasconcelos, Dr. Cabeto e Alexandre Sales. (Foto: Divulgação)

Com o objetivo de reconhecer a importância dos trabalhos de personalidades cearenses, a Academia Cearense de Literatura e Jornalismo (ACLJ) entregou diplomas de destaque ao secretário da Saúde do Estado do Ceará (Sesa), Carlos Alberto Martins, o Dr. Cabeto, ao presidente do Conselho de Administração do Grupo Edson Queiroz, Igor Queiroz Barroso, representado pelo primo Sávio Queiroz na ocasião, além deles o empresário Alexandre Sales também foi homenageado durante a solenidade realizada na última terça-feira (5). 

LEIA MAIS >> Camilo Santana amplia Cartão Mais Infância; 70 mil famílias serão beneficiadas

Sarto empossa novos secretários da Prefeitura de Fortaleza   

A solenidade seleciona anualmente o cearense do ano, contudo devido à pandemia, foi adaptada e reconheceu três destaques. Sendo assim, o Troféu Prasino Angelos foi entregue ao Dr. Cabeto, em reconhecimentos aos esforços no combate à Covid-19 no Ceará, por indicação do anfitrião e Membro Emérito da ACLJ, Beto Studart.

O Troféu Benemerência foi entregue a Igor Queiroz pela atuação à frente do Instituto Myra Eliane, por indicação de Sávio Queiroz Costa. E o Troféu Empreendedores, foi concedido ao empresário Alexandre Sales, pela inovação no empreendedorismo, por indicação de Marcos André Borges e Cândido Albuquerque

A solenidade reuniu membros da Academia Cearense de Literatura e Jornalismo (ACLJ) e os homenageados. (Foto: Divulgação)

“É uma grande honra estar aqui. Interpreto isso como uma homenagem à saúde e ter o reconhecimento dessas ações é fundamental. Recebo como um símbolo da representação da importância da saúde no Ceará”, disse o Dr. Cabeto ao Diário do Nordeste.

“Me sinto lisonjeado com esse reconhecimento da Academia Cearense de Literatura e Jornalismo. Receber o Troféu Benemerência pela iniciativa desenvolvida no Instituto Myra Eliane, com o Projeto Ensino dos Valores Humanos na Educação, tem um grande significado e, sem dúvida, valida o trabalho que é feito por nós com muito amor e com muita dedicação”, ressalta Igor Queiroz Barroso.

Veja também