logo

‘Estou trabalhando para que o Réveillon de Jeri aconteça’, diz Álvaro Garnero em live

Por Redação
‘Estou trabalhando para que o Réveillon de Jeri aconteça’, diz Álvaro Garnero em live
O empresário e apresentador Álvaro Garnero participou de uma live, nesta quarta-feira (3), com Márcia Travessoni (Foto: Divulgação)

O empresário e apresentador Álvaro Garnero participou de uma live, nesta quarta-feira (3), com a publisher do Site MT, Márcia Travessoni. A conversa teve como tema o turismo de luxo e experiências pessoais do empresário no Ceará. Ele, que é anfitrião e um dos organizadores do Réveillon John John Rocks em Jericoacoara, revelou que planeja continuar investindo no Nordeste. “Estou trabalhando para que o Réveillon de Jeri aconteça esse ano, talvez em menor proporção e ambiente aberto, mas vamos fazer. A minha intenção é voltar forte”, diz sobre o período de crise que o turismo enfrenta devido à pandemia.

A transmissão do bate-papo, que chegou a alcançar 3000 visualizações simultâneas, foi realizada no Instagram de Márcia Travessoni, com apoio do Hospital Gênesis. Falando mais detalhes sobre o Ano Novo, Álvaro Garnero afirma que pretende fazer três festas no litoral cearense. A Praia de Tatajuba, em Camocim, é um dos lugares cogitados para receber o evento e chama a atenção do empresário. “Estou comprando um terreno na região e penso em fazer alguns bangalôs para mim, algo bem rústico”, comenta.

LEIA MAIS >> ‘Nosso foco será no turismo interno’, diz secretário Alexandre Pereira sobre retomada pós-pandemia

Jeri pretende reconquistar o Turismo até o fim do ano, assegura Ricardo Gusso

Márcia Travessoni conduziu live com Álvaro Garnero (Foto: Fernando Travessoni)

Esse caráter natural e rústico é algo que o conquista e tende a ganhar mais adeptos no cenário pós-isolamento. Segundo ele, o ecoturismo e a simplicidade serão mais valorizados.

“Acho que ostentar seu dinheiro é algo de mau gosto. As pessoas têm que botar o pé no chão. A pandemia vai piorar a desigualdade, e já tem muita gente passando fome. As pessoas também estão vendo que a natureza precisa respirar. Vamos começar a olhar para hotéis menores e com mais experiências”.

“O luxo está nas coisas simples, como comer um camarãozinho na beira do mar”, diz Álvaro Garnero.

Durante a live, o empresário também elogiou o avanço do Ceará no turismo. “Cada lugar no Brasil tem sua gastronomia, dança, jeito de falar e isso é incrível. O Ceará está muito bem preparado para lidar com o turismo internacional de peso e tem bons aeroportos, como o de Fortaleza e Jeri. Essa costa inteira do Ceará é privilegiada”.

’50 por 1′

Além de sócio do Café de la Musique, primeiro Beach Club brasileiro, do Café Society, e do Camarote Nº1, no Carnaval do Rio de Janeiro, Álvaro Garnero conseguiu unir a paixão por viagens com o trabalho. Há 12 anos, ele apresenta o programa “50 por 1” em TV aberta e mostra experiências incríveis ao redor do mundo.

Não adianta criar um turismo de luxo inacreditável sem experiências, relata.

Por trabalhar no formato de temporadas, o apresentador conta que não sofreu com déficit de conteúdo e já planeja o retorno das gravações em julho deste ano, com foco no Brasil. “O turismo interno aqui caiu 90%. Também pretendo fazer um roteiro pelo interior do Nordeste, como Fortim e Taíba, por exemplo. O meu foco será no estilo brasileiro de ser. Hoje, o turismo brasileiro tem que olhar para dentro”.

Durante a conversa com Márcia Travessoni, a gravidinha Lou Montenegro, noiva de Álvaro Garnero, também deu um alô mais que carinhoso. A modelo cearense está esperando uma menina, e o papai avisou: “pouco tempo depois do nascimento, a neném já vai conhecer Jeri”.

Veja também