Uma nova produção recém-lançada vem chamando atenção dos fãs de games no Brasil e também em outros países. “Árida“, criada pela equipe baiana Aoca Game Lab, traz uma aventura no sertão nordestino, acompanhando uma mulher protagonista. 

O jogo foi lançado em agosto e vem se destacando principalmente pela temática que foge do usual entre os jogos, levando o clima do sertão do século XIX para o mundo dos games, em uma aventura simples, mas que cria um laço afetivo com o público.

Foto: Divulgação

O jogo procura entreter, mas também apresentar ao grande público um pouco sobre a história do sertão baiano. “Árida” acompanha Cícera, que percorre cenários inspirados na região de Canudos, enquanto enfrenta missões de exploração e sobrevivência.

Depois do estúdio marcar presente no Gamescom, um dos maiores eventos de jogos do mundo, em Colônia, na Alemanha, o game começou a chamar atenção em outros países. Segundo os criadores, o Brasil corresponde apenas 47% dos downloads do jogo até o momento. Estados Unidos vem em segundo lugar, com 30%. Outros países, como Alemanha e França também aparecem na lista. 

Equipe da Aoca Game Lab em Canudos, interior da Bahia Foto: Reprodução/Facebook

“Árida” é a primeira criação comercial da Aoca Game Lab. Os oito criadores da equipe fizeram um grande laboratório para construir a história, com uma vasta pesquisa bibliográfica, além de visitas à Canudos, no interior da Bahia.

O jogo está disponível para compra na plataforma Steam. Inicialmente, apenas para Windows, mas em breve será disponível para Mac e Linux.

>> VEJA TAMBÉM: W4F debate inovação, tecnologia e sustentabilidade neste fim de semana em Cumbuco

Confira o trailer do jogo:

Foto Destaque: Divulgação