Márcia Travessoni – Eventos, Lifestyle, Moda, Viagens e mais

Entre em contato conosco!

Anuncie no site

Comercial:

[email protected]
Telefone: +55 (85) 3242 0333

José Guedes expõe obras em salão de artes no Equador; saiba detalhes

5 nov 2019 | Notícias

Por Redação

O artista plástico José Guedes está na cidade de Guayaquil, no Equador, para participar da abertura da 3ª edição do Salón Internacional de Gráfica Contemporânea Energía Mecánica, que acontece dia 7, no Museu Nahim Isaias. Guedes é o único brasileiro a expôr na mostra internacional, que reúne obras de artistas da América Latina e da Europa em uma montagem que explora as múltiplas possibilidades da imagem, através de processos e experimentos realizados na natureza gráfica.

“É a primeira vez que participo do evento. Meu trabalho se encaixou na proposta curatorial por utilizar tecnologia de ponta na execução das obras”, conta o cearense. O convite para integrar a exposição veio dos curadores da mostra, Hernán Pacurucu e Victor Hugo Bravo, que são admiradores do trabalho de Guedes há um bom tempo.

>> LEIA TAMBÉM: Confira detalhes da vernissage de “Fênix”, nova exposição de José Guedes

As cinco obras que serão apresentadas no evento fazem parte da série “Fênix”. Lançada em Paris, em 2018, no Espace Orensanz, a coleção já passou pela SP ARTE e, recentemente, esteve em exposição na Casa D’Alva, em Fortaleza; na Galeria Sergio Gonçalves em São Paulo e no Rio; e agora chega a Guayaquil, com quantidade menor de obras.

A ideia é que as peças permaneçam em exibição por pelo menos um mês, segundo Guedes. O trabalho do brasileiro agradou tanto que uma de suas criações, inclusive, foi escolhida para montar a identidade visual de toda a divulgação do evento.

Obra da série “Fênix” escolhida para ilustrar identidade visual de divulgação do evento

Exposição individual em 2020

A passagem pelo Equador deverá se repetir em 2020. Isso porque o artista foi convidado a fazer uma mostra individual, também no Museu Nahim Isaias, prevista para agosto de 2020. “Vou confirmar a data exata esta semana”, adianta. No próximo ano serão exibidas cerca de 20 obras.

Publicidade

VEJA TAMBÉM

Publicidade

PUBLICIDADE