logo

Mangue Azul aposta na alta gastronomia e valoriza os sabores do Ceará

Por Redação
Mangue Azul aposta na alta gastronomia e valoriza os sabores do Ceará
A ideia do espaço surgiu após o chef proprietário do Mangue Azul, André Bichucher, se aprofundar em técnicas gastronômicas diferenciadas que conheceu em Paris. (Foto: Divulgação)

Inaugurado na última terça-feira (6), o Restaurante Mangue Azul, idealizado pelo chef e empresário, André Bichucher, tem a sustentabilidade e a hospitalidade como propostas, e une a alta gastronomia de referência aos sabores do Ceará, por meio da valorização dos insumos cultivados pelos produtores do estado. Localizado no bairro Aldeota, a inauguração do novo espaço gastronômico aconteceu em evento fechado para convidados.

LEIA MAIS >> Márcia Travessoni Indica #26: Transformação com Sabor

Casa Bendita inaugura sede com foco em comidas leves na academia Greenlife

Na inauguração, estiveram presentes a publisher do Site MT, Márcia Travessoni; o Presidente da Federação das Indústrias do Ceará (FIEC), Ricardo Cavalcante; a titular da Secretaria Municipal de Urbanismo e Meio Ambiente (SEUMA), Águeda Muniz; e o Presidente da Agência de Desenvolvimento do Ceará (ADECE), Eduardo Neves.

A publisher do Site MT, Márcia Travessoni, e Fernando Travessoni, prestigiaram a inauguração do novo espaço gastronômico. (Foto: Divulgação)

Na ocasião, André Bichucher apresentou o cardápio e o conceito da casa. Com um ambiente acolhedor e intimista, o Mangue Azul conta com drinks exclusivos assinados pela Bartender World Class, Adriana Pino.

Eduardo Neves, Ricardo Cavalcante, Nilza Mendonça, Águeda Muniz e André Bichucher durante a inauguração do Mangue Azul. (Foto: Divulgação)

Sabores do Ceará

A cozinha do Mangue Azul leva a assinatura do consagrado chef Marco Gil, que contempla os sabores do Ceará com técnicas francesas, proporcionando uma experiência gastronômica única. 

O chef Marco Gil é quem assina os pratos do Mangue Azul. (Foto: Divulgação)

Segundo o chef  proprietário do Mangue Azul, André Bichucher, a ideia de criar o restaurante surgiu anos atrás quando ele adquiriu uma propriedade em uma ilha localizada em Paris, que tem uma criação de camarões criados em mangue. As idas e vindas o fez se aprofundar cada vez mais em técnicas gastronômicas diferenciais. “Eu queria fazer um camarão sustentável, que fosse orgânico”, relembrou ele. A interação com a cozinha francesa despertou o interesse de André Bichucher, que, modesto, disse não se considerar um chef, pois precisaria de 12 anos de atuação. 

(Foto: Divulgação)

Na inauguração, ele também frisou os ideais sustentáveis do restaurante, que traz painéis solares, secadores de mão, e a água é do próprio restaurante com sistema de filtragem, abolindo garrafas plásticas no espaço. Além das práticas sustentáveis, o Restaurante Mangue Azul conta com horta própria e atua com 90% de insumos produzidos por produtores do Ceará, o que representa a busca pela valorização de toda a cadeia de produção de insumos locais. “Nosso projeto é receber produtos frescos e locais de pequenos produtores”, afirmou.  

(Foto: Divulgação)

Durante a pandemia, relembrou o chef, o restaurante doou 5 mil refeições. O ato de solidariedade continua com a doação de uma refeição para uma pessoa carente a cada experiência que o Mangue Azul oferecer aos clientes, um projeto em parceria com Fred Albuquerque

O restaurante Restaurante Mangue Azul fica na rua Dias da Rocha, 987, no bairro Aldeota, em Fortaleza. Estará aberto ao público a partir desta quarta-feira (7), de 19h às 23h. A partir de domingo (11), o Mangue Azul também estará disponível para o almoço, de 12h às 16h.

Veja também