logo

‘A época do superficial acabou e as casas passarão a contar histórias’, diz arquiteto Racine Mourão em live

Por Redação
‘A época do superficial acabou e as casas passarão a contar histórias’, diz arquiteto Racine Mourão em live
Arquiteto Racine Mourão conversa com Márcia Travessoni sobre as novas relações com o morar (Foto: Divulgação)

Qual a relação que você tem com o seu lar? O arquiteto Racine Mourão participou de uma live, nesta terça-feira (19), com a publisher do Site MT, Márcia Travessoni, sobre as novas relações com o morar. Segundo Racine, as principais mudanças pós-pandemia estarão voltadas à personalização dos ambientes. “Todas as solicitações de clientes que recebi neste período buscam a valorização do natural e aconchego. Acredito que a época do superficial acabou e as casas passarão a contar histórias”, diz.

A transmissão da live foi realizada no Instagram de Márcia Travessoni, com apoio do Hospital Gênesis, e integra a programação do #MinhaCasaExperience, projeto criado com conteúdos especiais durante o período de isolamento social.

LEIA MAIS >> ‘Amor à distância’: Márcia Travessoni reúne amigos em clipe gravado online

José Guedes lança exposição virtual inspirada em pinturas sacras

Durante a conversa, Racine afirmou que um visual limpo e objetos afetivos na decoração serão valorizados. “A casa será mais limpa visualmente e cada coisa terá um significado para nós. As pessoas vão se preocupar mais com a funcionalidade do que com o design em si”.

Em sua residência, Márcia Travessoni conduz live do projeto #MinhaCasaExperience com look da Soul Glam

O contato com a natureza também serão requisitados. De acordo com o arquiteto, quem está vivenciando o isolamento social em uma casa no campo ou com vasta área verde redescobre no momento uma conexão com o essencial, algo que pessoas que moram em apartamentos, por exemplo, estão sentindo falta. “A varanda vem ganhando um destaque atualmente porque as pessoas estão sentindo uma necessidade das plantas”.

“A varanda será redesenhada para que você passe um tempo livre e deixará de ser apenas um espaço gourmet para ser aproveitada no fim de semana”, afirma Racine Mourão.

Com esse apreço pelo verde, o design sustentável cresce e solidifica-se no debate sobre os futuros lares. “As pessoas estão preferindo as coisas sem brilho, naturais, rústicas e táteis. Isso já vinha acontecendo, mas teve um grande avanço. Se a pessoa for comprar uma peça de madeira ela vai querer saber o impacto daquilo”, comentar Racine.

Imerso no ritmo de trabalho home office, o arquiteto também especula que as residências maiores estarão em alta. “Com a tecnologia, vamos aprender a minimizar as reuniões e ganhar mais tempo para usufruir a vida. Acho que as casas vão ficar maiores, pela necessidade de um escritório e esse espaço para a natureza”.

Na live, Racine ainda comentou sobre a relação da economia com a valorização dos produtos nacionais após a pandemia. “Com o aumento do dólar ficará difícil comprar produtos de fora. Acho que vamos ter a personalização das coisas, com características nossas. O Brasil vai crescer muito porque somos um povo criativo”, afirma. Para conhecer mais o trabalho do arquiteto acesse o Instagram de Racine Mourão.

Mais conteúdos

A programação do #MinhaCasaExperience dessa semana também contará com um vídeo no canal do YouTube de Márcia Travessoni, disponibilizado na quarta-feira (20), em que a professora de Filosofia e poetisa Lúcia Helena Galvão falará sobre “Felicidade e qualidade de vida na quarentena e depois dela”.

Veja também