logo

Camilo anuncia retomada de leitos para Covid e aumento da fiscalização contra aglomerações

Por Redação
Camilo anuncia retomada de leitos para Covid e aumento da fiscalização contra aglomerações
O secretário estadual de Saúde, Dr .Cabeto, o governador Camilo Santana e o prefeito Sarto Nogueira participaram da coletiva de imprensa nesta quinta-feira. (Foto: Divulgação)

O governador do Estado, Camilo Santana, anunciou que vai retomar os leitos exclusivos para pacientes com Covid-19 no Ceará e reforçar a fiscalização contra aglomerações irregulares na Capital e no Interior. As medidas foram divulgadas em coletiva de imprensa nesta quinta-feira (21), em parceria com o prefeito de Fortaleza, Sarto Nogueira, o secretário estadual da Saúde, Dr. Cabeto, e a secretária municipal de Saúde, Ana Estela Leite. Ainda na coletiva, Camilo recomendou que as pessoas evitem o fluxo entre Fortaleza e as cidades do Interior, para conter a propagação do vírus.

LEIA MAIS >> Primeira cearense é vacinada no Hospital Leonardo da Vinci contra Covid-19

Onélia Santana lança mutirão de cirurgias infantojuvenis em parceira com o Sopai

O governador também anunciou que estará proibido o uso de áreas comuns de lazer em condomínios de praia; e reforçou a obrigatoriedade de seguir os protocolos de segurança sanitária nos condomínios urbanos. “A intenção é não tomar nenhuma medida que afete a economia do Estado, mas vamos tomar medidas para evitar aglomerações e contaminações”, salientou Camilo.

“Eu faço um apelo à população. Iniciamos a vacinação, mas ela é lenta, até porque depende do calendário do Ministério da Saúde. Estamos perto de sair da pandemia, mas até lá, é importante que a população se conscientize do uso obrigatório da máscara e evite aglomerações”, declarou o governador.

O prefeito de Fortaleza, Sarto Nogueira, lembrou que as primeiras doses da vacina já chegaram em todos o municípios, mas os cuidados ainda são essenciais. “A pandemia ainda está entre nós. A vacinação trazida neste primeiro lote só se torna efetiva, em média, dois meses após a segunda dose. Isso é importante que a população entenda. Não é razoável que festas aconteçam. É preciso a compreensão e apoio”, ressaltou Sarto.

Ações

Segundo Camilo, a intensificação da fiscalização em restaurantes e outros locais que promovam aglomerações vai resultar em multa e punições, especialmente para os reincidentes. “No decreto, vamos recomendar que a população não viaje entre os municípios, só façam esse fluxo para trabalho ou ações essenciais”, orientou.

Quanto ao atendimento hospitalar, o governador explicou que os cerca de 2.800 leitos de enfermarias e UTIs, criados durante a pandemia e que foram depois direcionados para o atendimento à população, serão destinados novamente para o atendimento de pessoas com Covid-19. O número de casos tem saltado no Estado, especialmente após os festejos de fim de ano.

Veja também