logo

Cearense relata experiência de reabertura dos parques da Disney de Orlando

Por Jacqueline Nóbrega
Cearense relata experiência de reabertura dos parques da Disney de Orlando
A escritora, mãe e lifestyle blogger Mila Soares acompanhou de perto a reabertura dos parques do complexo criado por Walt Disney (Foto: Reprodução/Instagram)

Morando há 13 anos em Orlando (EUA), a escritora, mãe e lifestyle blogger cearense Mila Soares compartilha o amor pela magia da Disney nas redes sociais com mais de 35 mil seguidores. “Amo tanto que minhas visitas passaram a ser trabalho também”, conta. Por isso, ela confessa que teve um sentimento incomum quando o complexo na Flórida anunciou que iria fechar devido à pandemia de coronavírus, que causa a Covid-19.

“Os parques da Disney são meu lugar feliz, quando preciso escapar do estresse do cotidiano. Porém, em um momento em que todos nós precisamos nos resguardar por conta de uma crise de saúde mundial, a pandemia adicionou uma camada de complexidade à essas visitas antes alegres e sossegadas”.

LEIA MAIS >> Parques da Disney em Orlando reabrem com capacidade reduzida

Disney+ confirma lançamento no Brasil em novembro


No entanto, em julho, os parques temáticos foram reabertos, seguindo algumas medidas de segurança e com nem todas as atrações disponíveis, para preservar a saúde dos visitantes. Mila foi convidada para participar da reabertura e nos relatou como foi a experiência.

No Instagram (@cosmopolitando) e em seu blog (www.cosmopolitando.com), Mila atualiza todos aqueles que compartilham com ela o amor pela magia da Disney (Foto: Reprodução/Instagram)

Costumo dizer que estive de volta ao mundo da magia, mas a magia não está completamente de volta. Me senti saudosa dos momentos que vivi há tão pouco tempo, como a energia das pessoas enquanto guardavam um cantinho na calçada da Main Street [no Magic Kingdom] para assistir a parada das 15h, como também dos sorrisos abertos e descobertos. Ainda assim, apesar das atrações outrora existentes, tais como abraços dos personagens e shows noturnos, me senti segura e protegida diante da capacidade reduzida, bem como dos protocolos de segurança praticados pelos membros do elenco e visitantes”.

A lifestyle blogger, que já mora em Orlando (EUA) há 13 anos, está otimista para 2021 (Foto: Reprodução/Instagram)

Com uma visão otimista, ela torce para que a normalidade e todas as atrações fiquem 100% disponíveis para os visitantes em 2021, ano que o Walt Disney World completa 50 anos. “Confesso que me recuso a aceitar um ‘novo normal’. O meu normal não almeja máscaras, de quaisquer tipo, apenas abraços, bem-estar e contentamento – um show de fogos também, devo acrescentar”, reforça bem-humorada.

Veja também