logo

Juntos contra a pandemia: Macarrão Amigo distribui quentinhas para pessoas em situação de vulnerabilidade

Por Jacqueline Nóbrega
Juntos contra a pandemia: Macarrão Amigo distribui quentinhas para pessoas em situação de vulnerabilidade
A proposta do Macarrão Amigo é juntar cada vez mais voluntários para conseguir ajudar um maior número de pessoas (Foto: Arquivo pessoal)

A ação solidária Macarrão Amigo Fortaleza nasceu em meio à pandemia, que causa a Covid-19, no mês de abril. Idealizada por Freitas Junior, um amante da gastronomia, a ideia era fazer refeições e distribuir para pessoas em situação de vulnerabilidade da Capital que estavam precisando de ajuda devido à crise de saúde.

LEIA MAIS >> Projeto Florescer arrecada itens de higiene para mulheres em situação de rua

Projeto Mesa Brasil Ceará já arrecadou mais de R$ 70 mil com lives solidárias

Da esquerda para direita: Freitas Junior, idealizador da ação, com os voluntários Letícia Studart, Izabela Fiuza, Lídia Oliveira, Willfridy Mendonça e Wladimir Pontes (Foto: Arquivo pessoal)

O projeto de Freitas foi logo abraçado por muitos amigos, como a empresária Izabela Fiuza e a advogada Letícia Studart, além de dezenas de outros voluntários. Inicialmente as refeições seriam preparadas na casa do idealizador, mas Izabela, dona de um buffet da Capital, logo cedeu sua estrutura.

“Muitas pessoas deram depoimentos apoiando a ideia, como o Tirullipa, a Simaria, Dorgival Dantas, Mano Alencar… A primeira entrega aconteceu dia 13 de maio, Dia de Nossa Senhora, já que sou devoto dela. Quinze chefs de Fortaleza nos ajudaram a fazer a primeira refeição, que foi macarronada a bolonhesa“, contou o idealizador do projeto, que começou com 400 quentinhas e hoje já consegue preparar de 800 a 1.000 refeições.

Desde então, às quartas-feiras o grupo faz a entrega. Algumas entidades locais pegam as refeições com os voluntários e fazem sua própria distribuição e a outra parte é entregue nas ruas da cidade. Para tentar mobilizar ainda mais a sociedade, o projeto também promove um almoço às quartas para convidados. Além da confraternização, um convidado especial faz uma palestra. “O infectologista Ronald Pedrosa já passou por lá, assim como o técnico Alberto Bial e o Dr. Fred Carioca“, elenca Freitas.

“Nós queremos levar a ideia para mais pessoas e com isso atingir nosso objetivo, que é ajudar mais gente”, reforça.

Semanalmente o cardápio das refeições muda e todos os insumos utilizados pelo grupo são doados. Freitas reforça que os voluntários que participam do preparo das refeições tomam os cuidados necessários, com o uso de máscara e de equipamento de proteção individual. Quem quiser participar do projeto ou fazer doações, pode entrar em contato via Instagram @macarraoamigofortaleza.

Veja também