Márcia Travessoni – Eventos, Lifestyle, Moda, Viagens e mais

Entre em contato conosco!

Anuncie no site!

Comercial:

comercial@marciatravessoni.com.br
Telefone: +55 (85) 3242 0333

Redação:

conteudo@marciatravessoni.com.br
conteudo1@marciatravessoni.com.br

Padarias apostam na tradição do pão de coco para aumentar faturamento

25 mar 2021 | Notícias

Por Redação

O pão de coco é consumido praticamente o ano inteiro no Ceará, mas é na Páscoa que a iguaria ganha mais destaque devido à simbologia da celebração religiosa e passa a ser mais buscado no mercado. Para aproveitar a demanda e incrementar o faturamento, o Sindicato das Indústrias de Panificação e Confeitaria no Estado do Ceará (Sindpan), ligado à Federação das Indústrias do Estado do Ceará (Fiec), lançou a campanha “Páscoa é na Padaria”, com o objetivo de intensificar as vendas. A meta é aumentar a demanda do pão de coco em até 500%.

LEIA MAIS >>> Dez vinhos da Adega São Luiz para celebrar a Páscoa

La Maison lança menu congelado e prepara expansão dos salões

A ação, que abrange todo o Ceará, teve início no dia 18 de março e segue até o dia 6 de abril, e conta com 80 padarias. “Nosso objetivo principal da campanha é não deixar morrer a tradição cearense do pão de coco e, sim, fomentar”, comenta Alexsandro França Martins, presidente da Rede Pão e vice-presidente do Sindpan.

“Estamos em um momento onde todo mundo está em casa, todo mundo muito preocupado com a família. Então, a gente uniu a base: tradição e família. É o momento para compartilhar histórias. O pão de coco tem uma ligação muito forte com a família cearense, sentimentos de geração a geração”, argumenta o vice-presidente do Sindpan.

A executiva do Sindpan e idealizadora da campanha, Sue Ellen Catunda, esclarece que a abordagem da campanha é feita, em grande parte, nas redes sociais, pela divulgação de fotos e vídeos que abordam a importância do pão de coco e a relação de afeto do item com a tradição familiar cearense.

Metas de vendas

Com a campanha, ela reforça que mais empregos serão gerados no setor devido ao aumento da demanda do pão de coco, que pode crescer em até 500% neste período. “Estamos em um momento que as vendas estão caindo. O momento é adverso, mas ainda é um momento para estar com a família e celebrar a Páscoa. No Natal, mesmo com a pandemia, a nossa campanha impulsionou um aumento de 45% comparado ao ano anterior. Foi muito gratificante”, pontua.

Com a campanha, mais empregos serão gerados no setor devido ao aumento da demanda do pão de coco, que pode crescer em até 500% neste período. (Foto: Divulgação/ Sindpan)

Até o momento, 80 padarias associadas ao sindicato adotaram a ação. “Além das peças de campanha, as padarias também estão fazendo promoções e decorando todo o estabelecimento. O fluxo diminuiu durante o isolamento mais rígido, contudo, sabemos que as pessoas, principalmente as mais antigas, têm esse costume do pão de coco”, ressalta.

Adaptação

O vice-presidente do Sindpan, Alexsandro França, destaca que, embora seja um serviço essencial, as padarias estão sendo bastante afetadas durante o isolamento social mais rígido e, por isso, reforça a importância da campanha de Páscoa. “Estamos trabalhando com 50% do faturamento, perdemos alguns dos nossos serviços, como o café da manhã, almoço e lanches. Estamos com dificuldades, mas trabalhando e garantindo toda a proteção para os nossos clientes”, afirma.

Desde o ano passado, as padarias se adaptaram ao delivery e, dessa forma, muitos clientes já estão comprando o pão para entregar na casa de amigos e familiares. Empresas também adotaram a prática”, , sobre a nova forma de serviço oferecido. Conforme Alexsandro, cerca de 20% do faturamento das padarias são provenientes do delivery, durante a pandemia da Covid-19.

VEJA TAMBÉM

PUBLICIDADE