Poluição do ar diminui ao redor do mundo durante pandemia; veja fotos

Por Redação
Poluição do ar diminui ao redor do mundo durante pandemia; veja fotos
Estrelas no céu de Santos agora são visíveis a olho nu (Foto: Jamil Vila Nova)

A diminuição dos níveis de poluição do ar tem sido uma das boas consequências do isolamento social provocado pela pandemia do novo coronavírus. Na China e na Itália, por exemplo, imagens de satélites da Nasa e da Agência Espacial Europeia mostram redução drástica da concentração de dióxido de nitrogênio (NO2), gás emitido por automóveis, indústrias e termelétricas.

Concentração de NO2 de 1 a 20 de janeiro (à esquerda) e de 10 a 25 de fevereiro (à direita), na China (Foto: Nasa)

Em Veneza, moradores compartilharam nas redes sociais imagens dos famosos canais da cidade, com água cristalina. É possível ver peixes e até golfinhos nadando no local.

LEIA MAIS >> Em isolamento, personalidades compartilham registros fofos com os pets

Oito passos para organizar a casa e renovar a energia do ambiente

Em Nova York, pesquisadores da Universidade de Columbia apontam que as emissões de monóxido de carbono – proveniente principalmente de carros e caminhões – reduziram cerca de 50% na semana passada. Houve ainda uma queda de 5% a 10% na concentração de gás carbônico e metano.

Já na Baixada Santista, litoral de São Paulo, o céu apareceu cheio de estrelas, agora visíveis a olho nu devido à diminuição da poluição.

Ômega Centauri registrada em Santos (Foto: Jamil Vila Nova)

Veja também