Enquanto 821 milhões de pessoas passam fome no planeta, o desperdício de alimentos chega a 1,3 bilhão de toneladas por ano. Esses são dados da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura, divulgados em agosto de 2018. Já no Brasil, reconhecidamente um dos maiores produtores agrícolas do mundo, 5,2 milhões de pessoas não têm o que comer.

Esses são só alguns dados que mostram que a situação é urgente. Hoje, mais do que nunca, é necessária uma mudança de comportamento para o combate ao desperdício. E a gastronomia tem um importante papel neste movimento. Prova disso é que muitos dos renomados chefs, cozinheiros profissionais e amadores desenvolvem receitas a partir do uso integral dos alimentos. Assim, cascas de frutas e vegetais, sementes, talos das verduras, que geralmente são descartados, são aproveitados em sua totalidade.

>> VEJA TAMBÉM: cinco restaurantes veganos para conhecer e saborear em Fortaleza

O uso integral dos alimentos é tendência absoluta

As possibilidades de aproveitamento dos alimentos podem ir ainda mais além. Como explica Vanessa Santos, consultora de gastronomia do Senac Ceará, é possível utilizar, por exemplo, a casca do camarão, que quase sempre vai parar no lixo. Além de poder ser usado no preparo do caldo para fazer uma massa, ela pode ser secada no forno e depois triturada. “Depois de secado e triturado, a gente pode polvilhar em cima do prato final. Além do sabor, essas cascas se transformam na parte crocante do prato”, diz.

Oficinas

A partir dessa ideia, o Senac vai realizar, nos dias 20 e 21 de setembro (sexta-feira e sábado), oficinas de gastronomia durante a CASACOR Ceará, que este ano, tem como tema o “Planeta Casa”. A iniciativa acontece em conjunto com o Programa Mesa Brasil Sesc, que atua na perspectiva da segurança alimentar e nutricional, sustentabilidade e inclusão social. 

>> VEJA TAMBÉM: Planeta Casa: Confira os destaques da CasaCor Ceará 2019

A ideia é que os interessados aprendam a desenvolver receitas tendo como ponto de partida o combate ao desperdício, com princípios do aproveitamento inteligente dos alimentos. Na sexta, por exemplo, os interessados vão aprender a fazer Farfalle com pesto, tomates assados e camarões. Já no sábado, a receita é Torta cookie de banana. As oficinas, que acontecem no Espaço Cozinha de Origem, são gratuitas e limitadas a 40 participantes. Além disso, na ocasião, será possível adquirir publicações da Editora Senac nas áreas de Arquitetura, Decoração, Arte, Design, Jardinagem, Gastronomia e Fotografia.

Mesa Brasil na CASACOR Ce

Mesa Brasil

Presente no Ceará desde 2001, o programa Mesa Brasil Sesc atende no Estado mais de 400 instituições sociais, que, juntas, totalizam o atendimento a cerca de 250 mil pessoas, por meio de doações de alimentos e atividades educativas.  Desde sua implementação, o Mesa Brasil Ceará já distribuiu mais de 45 milhões de quilos de alimentos, por meio de parceria com centenas de empresas doadoras, a exemplo da Mercadinhos São Luiz.

Aqui no Estado, o Mesa Brasil foi pensado como banco de alimentos. As doações de empresas e instituições vão para um centro de distribuição, sendo rapidamente acondicionadas e entregues para as entidades sociais cadastradas. Só em agosto de 2019, o Programa distribuiu 246 mil quilos de alimentos no Estado. Dessa forma, as empresas que doam e as instituições sociais que precisam cada vez mais de doações formam uma rede poderosa em prol do combate ao desperdício de alimentos.

SERVIÇO – Sistema Fecomércio na CASACOR Ceará 2019

Oficinas de gastronomia
Datas: 20 e 21/09
Local: Espaço Cozinha de Origem
Horário: De 19h às 20h
Receitas:
Dia 20/09 (Sexta-feira) – Farfalle com pesto, tomates assados e camarões – Instrutor: Matheus Vieira
Dia 21/09 (Sábado) – Torta cookie de banana – Instrutora: Aldenizia Girão