vogue_magazine_lena_site_mtClique de Annie Leibovitz

lena_abre
O estilo ultracool de Lena é inspiração pra muita gente

A Nova Rainha da Comédia”. É assim que a edição de fevereiro da Vogue americana anuncia sua capa com Lena Dunham, criadora, produtora e roteirista da série “Girls”, do canal HBO. O título não é exagero, já que o programa é um verdadeiro fenômeno mundial. Lena consegue ser um exemplo das ambições e dos comportamentos da nova geração.

O fato de a Vogue escolher a multifacetada atriz como seu destaque foi só a confirmação de que a moda está de olho nessa moça de 27 anos há algum tempo. Capas de outras revistas nos últimos meses (Rolling Stone, Interview, Marie Claire…) já colocaram Lena no topo do mundo do entretenimento. A própria Anna Wintour, editora-chefe da publicação, já rasgou elogios à moçoila.

Verdade seja dita, Lena não faz bem o tipo da moda: ela é mais voluptuosa e meio desengonçada, mas é a representação da força (e vulnerabilidade) feminina, por isso o sucesso estrondoso. Nas fotos de Annie Leibovitz, a atriz contracena com seu par romântico (e estranhamente bonito), Adam Driver, em imagens que retratam glamour e humor na medida certa.

vogue_magazine_lena_site_mt6

vogue_magazine_lena_site_mt5

Referência

O estilo de Lena Dunham no tapete vermelho também tem chamado a atenção (parece, inclusive, a personagem Hannah mais arrumada): vestidos soltinhos, colo à mostra (e tatuagens também) e algumas peças que parecem ter saído diretamente de um brechó “hypado” de Nova Iorque. Dá pra se inspirar facilmente nos looks.

lena_abre2

Por Lucas Magno