logo

Mileide Mihaile retoma trabalhos e faz ensaio com intervenção artística de Mano Alencar

Por Redação
Mileide Mihaile retoma trabalhos e faz ensaio com intervenção artística de Mano Alencar
Com a divulgação do plano de retomada da economia do Ceará, a agenda de Mileide começar a voltar ao normal, com a inclusão de trabalhos externos pontuais Fotos: Divulgação/Reprodução/Instagram

Após mais de um mês trabalhando home office, a digital influencer Mileide Mihaile retornou esta semana ao trabalho e protagonizou o primeiro editorial de moda desde o início do período de isolamento social. As fotos foram feitas no ateliê do pintor cearense Mano Alencar, em Fortaleza.

Mileide, em parceria com o consultor de imagem Cláudio Torelli, escolheu peças básicas e fluídas para o editorial. Mano, por sua vez, fez intervenções nas peças inspirado no movimento expressionismo abstrato, o que, para ele, traduz a velocidade do mundo atual.

LEIA MAIS >> Mileide Mihaile desfila na Grande Rio e divide a avenida com celebridades

Nossas Conquistas: Mileide Mihaile lembra momentos marcantes de 2019

“Foi uma troca maravilhosa de energias positivas, momento de inspirações e leveza. Nada melhor para esse momento de tanta tensão que estamos passando”, explicou o pintor.

O pintor Mano Alencar fez intervenções nas roupas usadas por Mileide Mihaile no editorial de moda

“Iniciar esse novo momento no ateliê de Mano foi um bálsamo para mim. Trouxe muita beleza e astral. Muito grata por tudo”, reforçou a influencer sobre o trabalho.

O styling do trabalho foi assinado por Cláudio Torelli

Retomada de agenda

Com a divulgação do plano de retomada da economia do Ceará, a agenda de Mileide começa a voltar ao normal, com a inclusão de trabalhos externos pontuais.

“Continuei trabalhando de casa na quarentena e mantendo meu compromisso com as empresas que são minhas parceiras e acreditam no meu trabalho. Realmente fiquei muito assustada com a situação dessa pandemia e preferi manter a cautela, seguindo o isolamento direitinho e saindo de casa só quando era necessário”, conta Mileide.

Veja também