A paisagem eternizada em linhas tortas é a essência do trabalho do arquiteto e urbanista Campelo Costa. Quarta-feira (2), os desenhos do artista, reunidos em mais 60 cadernos de viagens, ganharam exposição na Universidade de Fortaleza, com curadoria de Roberto Galvão. A vernissage de “Arquitetura e Cidade – Campelo Costa”, somente para convidados, contou com a presença do vice-reitor de Extensão da Unifor, Randal Pompeu.

Quarenta e quatro telas compõem a mostra. Os desenhos, que celebram também os 80 anos do arquiteto pernambucano radicado no Ceará, registram paisagens concebidas em cidades como Paris, Roma, Milão, Nova York, Porto, São Paulo, Olinda, Amsterdã, Fortaleza e até Sobral.

A exposição é composta ainda pelos cadernos de viagem originais e livros que retratam a arte de Campelo. Todo o acervo será reunido em uma obra comemorativa de 210 páginas, com reproduções de desenhos e uma seleção de palestras do artista em congressos, além de artigos na área da arquitetura.

Lara Vieira e Katherine Mihaliuc

A mostra permanece em exibição no Hall da Biblioteca Central da Universidade até o dia 14 de dezembro.

>> LEIA TAMBÉM: Com curadoria de Denise Mattar, Unifor Plástica terá 25 artistas cearenses

Veja mais fotos da exposição de Campelo Costa, com cliques de Saulo Roberto: