O advogado e empresário do ramo de turismo e entretenimento Colombo Cialdini recebeu, na última quarta-feira (27), o título de Cidadão Cearense, em sessão solene no Plenário 13 de Maio. A homenagem, proposta pelo deputado Sérgio Aguiar, foi aprovada por unanimidade pelos 46 deputados estaduais da Assembleia Legislativa do Ceará.

LEIA MAIS >> Assembleia Legislativa homenageia projetos de justiça sistêmica no Ceará

Natural do Distrito Federal, Cialdini veio morar no Ceará aos 10 anos de idade, em 1974. Começou a trabalhar no comércio ainda na adolescência. Após graduar-se em Direito, passou a se dedicar à promoção de eventos, área em que atua há mais de 40 anos.

Foi um dos fundadores do Fortal, considerado o Carnaval fora de época de Fortaleza, em 1992, e participou ainda da criação da Meia Maratona Internacional de Fortaleza, a Feira dos Municípios e o São João do Ceará. Também presidiu entidades como Associação Brasileira de Agências de Viagens do Ceará, Skal Latinoamericano do Cone Sul, Associação Brasileira dos Promotores de Eventos (Abrape-Ceará) e o Sindetur.

Entre as presenças da solenidade: o presidente da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do Ceará, Eliseu Becco, e secretário da Regional II, Ferrucio Feitosa

De acordo com Sérgio Aguiar, o empresário brasiliense fez grande contribuição para a divulgação do turismo cearense a nível nacional e internacional. “Colombo Cialdini é o neocearense que faz a alegria do nosso povo”, declarou na cerimônia.

No discurso de agradecimento, Cialdini relatou um pouco de sua história e sua admiração pelo povo cearense, sempre apto a ousar em meios às dificuldades. Defendeu também que sua vida foi dedicada a “um conjunto de projetos, trabalhos e ações pelo desenvolvimento econômico e criação de emprego e renda da cidade e do estado”.

No fim de sua fala, ainda citou José Alencar: “O sucesso nasce do querer, da determinação e persistência em se chegar a um objetivo. Mesmo não atingindo o alvo, quem busca e vence obstáculos, no mínimo fará coisas admiráveis”.

Fotos de Alex Campêlo: