Márcia Travessoni – Eventos, Lifestyle, Moda, Viagens e mais

Entre em contato conosco!

Anuncie no site

Comercial:

comercial@marciatravessoni.com.br
Telefone: +55 (85) 3242 0333

Redação:

conteudo@marciatravessoni.com.br
conteudo1@marciatravessoni.com.br

Não compre na Shein antes de ler esta matéria!

26 ago 2021 | Moda

Por Redação

Produtos disponíveis na Shein Brasil (Foto: Reprodução/Instagram)

Nos últimos meses, a marca chinesa Shein tem ganhado notoriedade e conquistado o público por reunir inúmeros fatores em um único local: variedade de produtos, preços mais baixos e tamanhos de peças que funcionam para a grande maioria dos consumidores. No entanto, por ser uma plataforma de compras do exterior e por envolver uma série de questões, como taxas e tempo de entrega, ainda há quem tenha receio em encher o carrinho. 

LEIA MAIS >> Comprou na Shein? Saiba como não ser taxado na alfândega

E-commerce cearense aposta em peças de luxo seminovas

O Site MT reuniu um dossiê com todas as informações que você precisa saber antes de comprar na Shein. Garanto que vamos solucionar dúvidas que você nem sabia que tinha! Confira:      

Como comprar?

Aqui no Brasil há dois meios principais: no site e pelo aplicativo. Ambas as plataformas são recentes, antigamente era necessário comprar no site oficial da China. Da forma atual ficam disponíveis os meios de pagamentos brasileiros, incluindo o PIX.

Na hora de escolher as peças, é importante ficar atento às avaliações. Geralmente elas são bem detalhadas, com fotos, descrições dos produtos e nota de 0 a 5 estrelas. 

O que vende na Shein? 

Acredito que seja mais fácil perguntar o que não vende! Tanto o site como o aplicativo vão muito além da moda feminina. Tem roupa masculina, acessórios, moda praia, decoração, utensílios domésticos, cama, mesa e banho, linha para pets e de maquiagem. 

Linha de maquiagem da Shein (Foto: Reprodução/Instagram)

Tempo de entrega 

A empresa sempre dá o prazo de 35 a 50 dias úteis em todas as compras, mas pode haver casos em que a encomenda chegue antes da conclusão deste período. A Shein tem se tornado mais ágil por causa da competição com outras marcas que desempenham funções semelhantes, como a Shoppe e a Wish.

Taxas 

O principal receio dos consumidores em comprar na Shein com certeza são as taxas. Independentemente do valor da compra, há sim a chance de ser taxada, mas algumas dicas podem ajudar para que isso não aconteça.   

Primeiro, a compra não deve ultrapassar mais que 50 dólares. Caso você precise fazer um pedido de valor alto, o ideal é que ele seja dividido em mais de uma compra. Se mesmo assim a sua encomenda for taxada, consulte o valor por meio do número de rastreio no site dos Correios, lá é feito todo o processo de pagamento. Porém, fique atento ao prazo de 20 dias.

Depois de efetuar o pagamento da taxa, você pode conseguir um reembolso de 50% na Shein. Basta mandar o comprovante para a empresa e eles devolvem o valor para o seu carrinho, podendo ser usado em uma nova compra.  

LEIA TAMBÉM >> Brechós em Fortaleza: onde comprar online ou presencialmente

Quais cuidados devemos ter ao comprar peças de brechó

Frete 

A Shein cobra frete apenas nas compras inferiores a R$49. Além disso, a plataforma disponibiliza cupons de desconto por todo o site. Na primeira compra, o consumidor tem direito a um cupom de R$15 de desconto. Se você já tiver realizado outros pedidos, mas está em busca de um cupom, a dica é acessar o site e procurar por “Shein Cupons”. 

Lembra das avaliações que citamos no início? Depois de receber suas peças, você pode avaliá-las no site ou no aplicativo. O melhor é que, além de ajudar outras pessoas que compram na plataforma, você ainda pode ir acumulando pontos a cada avaliação e ganhar pequenos cupons de desconto em dólar.   

Valores 

O maior atrativo da marca definitivamente são os preços mais baixos, o que já é comum em produtos fabricados na China. Hoje em dia, algumas peças têm valores parecidos com os encontrados aqui no Brasil. É importante navegar bastante no site, comparar os preços e ponderar se vale a pena esperar o prazo estipulado para receber a encomenda. 

Qualidade das peças

Quem compra na Shein tem que ter em mente que nem sempre o produto vai ter uma ótima qualidade ou será duradouro. Essa é uma questão que deve ser levada em conta antes de finalizar o pedido. Algumas peças são mais frágeis, como as bijuterias, e outras, como as bolsas femininas, são elogiadas pelo bom acabamento. Tudo realmente depende da peça e de como foi feita, por isso é essencial ficar de olho nas avaliações.  

Bolsas vendidas na Shein (Foto: Reprodução/Instagram)

Questionamentos importantes 

Nos últimos tempos, surgiram alguns questionamentos e alegações em relação aos preços da Shein. A começar pela mão de obra que, geralmente em casos de venda de produtos baratos, tem uma carga horária excessiva, não é bem remunerada e nem tem direitos trabalhistas garantidos. O problema piora quando é usado o trabalho infantil. Essa é uma realidade geral de empresas de fast-fashion

No entanto, em termos menos preocupantes, existe o lado de quem não encontra roupas que se adequem aos seus corpos, como é o caso de pessoas gordas e magras que fogem do padrão do PP ao GG e dependem de varejistas como a Shein. Há ainda quem não tem alto poder aquisitivo e precisa de peças com preços menores para se vestir ou para adquirir as tendências.     

Publicidade

VEJA TAMBÉM

Publicidade

PUBLICIDADE