Márcia Travessoni – Eventos, Lifestyle, Moda, Viagens e mais

Entre em contato conosco!

Anuncie no site

Comercial:

comercial@marciatravessoni.com.br
Telefone: +55 (85) 3242 0333

Redação:

conteudo@marciatravessoni.com.br
conteudo1@marciatravessoni.com.br

Prática de ioga pode aproximar o casal e fortalecer a relação

21 jun 2020 | Notícias

Por Redação

A ioga traz diversos benefícios individuais, e, se feita em dupla, pode aproximar o casal e fortalecer a relação. Aproveitando que junho é o mês em que se celebra o amor, no Dia dos Namorados (12), e o Dia Internacional da Ioga, neste domingo (21), o Site MT buscou saber as transformações percebidas por quem adotou a pratica a dois. É o caso da administradora Rafaela Scienza e do empresário Dado Montenegro, que, há cinco anos, aderiram a prática da ioga como estilo de vida. Esta, garantem, robusteceu ainda mais o laço que os une, já que os dois passaram a rever as atitudes e a compreender melhor o outro.

De acordo com Rafaela Scienza, com a ioga, os dois entenderam melhor os erros, as falhas e os limites de cada um, o que os ajudou bastante. Ela acredita que muitas discussões podem ser evitadas quando há uma maior reflexão sobre os dois, como a paciência que é exercida nessa prática, que também pode atrapalhar quando não é trabalhada.

LEIA MAIS >> ‘Essencialmente’: Técnicas de respiração e meditação passo a passo com Guillaz Moreira

Pratique meditação e ioga sem sair de casa com aplicativos e aulas online

“No momento em que compreendemos melhor as atitudes do parceiro e agimos com mais tolerância, a conexão se intensifica naturalmente. Como qualquer casal, temos discordâncias e diferenças, e a prática nos faz refletir e respeitar tudo isso. Além disso, a ioga também proporciona um equilíbrio da mente e do corpo, tornando o casal mais disposto a enfrentar os desafios do dia a dia de uma forma mais leve”, explica.

Rafaela Scienza afirma que a ioga proporciona diversos benefícios ao longo do tempo e, assim, a união do casal amadurece. A prática, diz, proporciona reflexão interior e faz com que os dois vejam o mundo de outra maneira, uma vez que muitas atitudes são repensadas quando olham mais para si.

Rafaela Scienza e Dado Montenegro explicam que passaram a entender melhor os erros, as falhas e os limites de cada um, o que os ajudou bastante. (Foto: Arquivo pessoal)

Conexão intensa

De acordo com o instrutor de ioga, Helder Lima, geralmente, a prática é individualizada, mas, de vez em quando, é feita em dupla. Ele destaca que os exercícios, que visam a introspecção e o autoconhecimento, podem beneficiar o corpo e a mente, e deixar a conexão do casal mais intensa, o que melhora a união.

Helder Lima é professor de ioga e proprietário do Ram Das Yoga e Terapias (Foto: Arquivo)

“Se me fixo com o meu melhor, eu me abro ao outro. E se o outro é o meu cônjuge, melhor ainda. Se os dois fazem a mesma coisa, isso fortalece demais a relação, pois cada um estará se interligando com o seu melhor, saindo da zona de reatividade, em que se coloca distante dos fatos, e não reage, para não causar desarmonia“, explica.

LEIA MAIS >> Saúde dos idosos requer mais cuidados durante isolamento social

Pets ajudam a equilibrar a saúde mental no isolamento social

Conforme Helder Lima, a ioga beneficia todas as instâncias de um relacionamento, não só no aspecto sexual, mas na completude de tudo que é a manifestação do casal, fazendo com que tudo seja harmonizado. Ao praticá-la, acentua, o casal estará em sintonia com a essência de cada um, ocasionando um “manancial infinito de potencialidades”.

Você mergulha nas camadas mais sutis da psiquê. Quando vir algo que o outro precisa crescer, a pessoa ajuda o outro a transmutar, e não apontar o dedo para ele. Assim, apoiará o companheiro, que também reconhecerá as falhas. As virtudes são amplas”.

Publicidade

VEJA TAMBÉM

Publicidade

PUBLICIDADE