Márcia Travessoni – Eventos, Lifestyle, Moda, Viagens e mais

Entre em contato conosco!

Anuncie no site

Comercial:

comercial@marciatravessoni.com.br
Telefone: +55 (85) 3242 0333

Redação:

conteudo@marciatravessoni.com.br
conteudo1@marciatravessoni.com.br

Camilo Santana recebe comenda da Ordem do Mérito Judiciário do Trabalho

2 dez 2021 | Poder

Por Redação

A indicação foi feita pela ministra cearense Katia Magalhães Arruda

Camilo Santana, Maria Cristina Peduzzi e Katia Magalhães Arruda (Imagem: Divulgação)

Camilo Santana recebeu na última quarta-feira (1º), em Brasília, a comenda da Ordem do Mérito Judiciário do Trabalho no grau Grã-Cruz, do Tribunal Superior do Trabalho (TST). A solenidade foi presidida pela ministra Maria Cristina Peduzzi, presidente do TST. Em suas redes sociais, o governador agradeceu agradeceu à ministra cearense Katia Magalhães Arruda pela indicação e comentou sobre a importância do TST. “A Justiça do Trabalho cumpre papel fundamental na defesa das relações trabalhistas e em temas como o combate ao trabalho escravo e ao trabalho infantil”, pontua.

LEIA MAIS >> Anjos do Natal 2021: confira lista das instituições beneficiadas

Sistema Fecomércio apresenta números de 2021 e projetos para o ano que vem

A Ordem do Mérito Judiciário do Trabalho, homenageia importantes personalidades ou instituições civis e militares, brasileiras ou estrangeiras, que se destacam em suas profissões e se tornam um exemplo para a sociedade. O grau Grã-Cruz, segundo na hierarquia composta por seis graus, é conferido a: Vice Presidentes da República, Presidentes da Câmara dos Deputados, Ministros de Estado, Presidentes de Tribunais Superiores, Governadores dos Estados da União e do Distrito Federal, Almirantes, Marechais, Marechais-do-Ar, Almirantes-de-Esquadra, Generais-de-Exército, Tenentes-Brigadeiros, Embaixadores estrangeiros e outras personalidades de hierarquia equivalente.

Camilo Santana (Imagem: Divulgação)

“A Justiça do Trabalho cumpre papel fundamental na defesa das relações trabalhistas e em temas como o combate ao trabalho escravo e ao trabalho infantil”, comentou Camilo.

Publicidade

VEJA TAMBÉM

Publicidade

PUBLICIDADE