A designer de moda Rebeca Sampaio acabou de desfazer as malas da sua viagem com uma rica diversidade de cores, cultura e sabores. À convite do site Marcia Travessoni, ela compartilhou conosco algumas dicas muito importantes do seu roteiro de viagem que passou pela Espanha, mas teve como intuito desbravar o Marrocos, no Norte da África.

Na Espanha, ela passou por Servilha, Granada e Málaga. “O show de flamenco é lindo. Eles possuem uma cultura bastante bonita e muito parecida com a nossa”, disse. Por lá, eles visitaram a catedral de Málaga que foi construída entre 1528 e 1782. Ainda passaram na Capela Real, onde estão os restos mortais dos reis católicos Fernando de Aragón e Isabel de Castela e o esplêndido Palácio de Alhambra, o mais importante conjunto arquitetônico árabe de toda a Europa.

Rebeca na Plaza España

Mas foi o Marrocos que arrancou suspiros da viajante. “O Marrocos é surpreendente. Chegamos por Marrakesh. Conhecemos cada detalhes, os mercados são exuberantes. Os hotéis possuem um pátio interno, você entra por uma portinha e quando chega se surpreende, parece um oásis. Uma coisa muito legal foi visitar locais como foram gravados vários filmes como Cléopatra, Gladiador e Game of Thrones. Também visitamos os estúdios Atlas, onde foram gravadas séries, filmes e até novelas da Record“, conta Rebeca.

Ela visitou locais que foram usados para filmagens de diversos filmes
Rebeca ficou encantada com as diversidades de cores
O artesanato local é outro ponto forte do Marrocos

Eles foram guiados por Youssef Amraoui e seu irmão Mohamede Omrawi, que de tão receptivos chegaram até a levar o grupo para almoçar na casa deles. Ficaram hospedados no Hotel Riad Dar Justo com um jantar no Dar Moha, edifício que já foi a casa do secretário de Pacha Glaoui e depois residência do estilista e designer Pierre Balmain. “Depois visitamos Mezourga, uma cidade próxima do deserto do Saara, lá ficamos em umas tendas de luxo, onde passamos uma noite, fomos de camelos, tivemos um show, tudo muito interessante. Antes de chegar no deserto, os guias nos levaram para a casa da família deles, eles são muito harmoniosos e receptivos”, disse.

O grupo foi convidado para almoçar na casa dos guias e provar a comida local
O passeio de camelo é quase obrigatório para quem deseja vivenciar uma experiência completa

Para se ter ideia no roteiro foram mais de 26 horas viajando de uma cidade para outra. Mas nesse caminho ela conheceu diversos pontos turísticos e locais característicos como uma fábrica de cerâmica, povoados, o cortume, onde é preparado o couro, entre outros. “Conhecemos também Chefchaouen, conhecida como a cidade azul, lembra muito a Grécia, foi povoada por judeus, que mantinham a tradição de pintar as casas de azul e branco. Tudo lindo, a cidade não tem monumentos importantes, mas vale muito a pena visitar as ruelas. Tem um hotel lindo no fim de tarde para ver o por-do-sol e tomar uns drinks”, relembra.

<< LEIA TAMBÉM: Rebeca Sampaio inaugura primeira loja no Rio de Janeiro

A cidade azul é encantadora e lembra bastante a Grécia
Rebeca ficou encantada com os azuis

A última cidade visitada foi Casablanca. Lá o roteiro, feito pela agência Tour du Monde, incluiu a medina antiga e a mesquita, conhecida como a maior do Marrocos. É a terceira maior do mundo depois de Meca e Medina e uma das duas únicas de Marrocos abertas a não-muçulmanos. Para jantar, escolheram o Ricks Café, lendário restaurante do filme Casablanca e que foi construído inspirado no próprio filme. Na verdade ele nunca existiu, é uma recriação do estudio.

Os belíssimos tapetes vendidos nos mercados
Para quem ama fotografar, o Marrocos é um país para muitas inspirações

“Em todo o Marrocos encontramos a foto do rei. É um povo muito alegre, muito receptivo e que tem orgulho do lugar de onde vem. Um país cheio de cores, cheiros, sabores. Foi surpreendente. A língua oficial é o árabe marroquino e o francês, além do berbere. É possível encontrar o artesanato local em quase todo lugar que a gente passa. Apesar de uma viagem cansativa, é muito cultural, de experiência inesquecível, minha avó de 80 anos, que estava no nosso grupo, ficou encantada e contou que foi uma das melhores viagens que ela já fez. Os guias foram maravilhosos. É uma viagem que tem que estar preparado, não pode ter frescuras”, pontua.

O registro das companhias de viagens de Rebeca

Serviço

Guias no Marrocos: Mohamed e Youssef
Site: www.tripinmorocco.com
Contato: +212 671-722362