logo

Exposição ‘Leonilson por Antonio Dias’ ganha prêmio nacional de crítica artística

Por Tainã Maciel
Exposição ‘Leonilson por Antonio Dias’ ganha prêmio nacional de crítica artística

A Associação Paulista de Críticos de Artes (APCA) elegeu a mostra ‘Leonilson por Antonio Dias – Perfil de uma coleção‘, planejada e organizada por Max Perlingeiro, como a Exposição Nacional do Ano. A escolha foi divulgada na última segunda-feira (9) e reconheceu artistas e obras nas seguintes categorias: Arquitetura, Artes Visuais, Cinema, Dança, Literatura, Música Popular, Rádio, Teatro, Teatro Infanto-Juvenil e Televisão.

LEIA MAIS >> Para Max Perlingeiro, Fortaleza tem potencial para promover grandes ações de arte e solidariedade

Cadeh Juaçaba abre primeira exposição internacional em Lisboa

A exposição que passeia pelo trabalho de Leonilson (1957-1993) reuniu 38 desenhos e pinturas do artista cearense pertencentes a seu amigo Antonio Dias (1944-2018). A ideia surgiu em outubro de 2015, em Fortaleza, quando Antonio preparava sua mostra individual na Galeria Multiarte. Ele, sua mulher Paola Chieregato e Max Perlingeiro iniciaram ali o projeto. A mostra foi realizada, de 13 de setembro a 26 de outubro de 2019, na Pinakotheke Cultural do Rio de Janeiro.

Igor Queiroz Barroso, Max Perlingeiro, Antonio Dias e Silvio Frota na Galeria Multiarte em 2015 (Foto: Arquivo)

Em 2019, Max também venceu o Prêmio Ciccilo Matarazzo, da Associação Brasileira de Críticos de Arte (ABCA). A honraria é entregue a personalidades influenciadoras no meio artístico e é uma das principais do País. A premiada exposição sobre Leonilson reforça seu destaque no meio artístico.

Obra de Leonilson presente na exposição (Foto: Divulgação)

“A vontade de Antonio era, além de mostrar esta coleção, contar a história de sua amizade pelo ‘Leo’, e sua visão”, relata Perlingeiro. O artista plástico e multimídia Antonio Dias faleceu em agosto de 2018, antes da exposição ser concretizada.

Fortalecer a cultura

Atriz Fernanda Montenegro (Foto: Divulgação)

Este ano, a Associação Paulista de Críticos de Artes também concedeu o Prêmio Especial para a atriz Fernanda Montenegro, por seu protagonismo na defesa da liberdade de expressão, representatividade e contribuição inequívocas em quatro categorias das artes contempladas pelo troféu: Cinema, Literatura, Teatro e Televisão.

Na categoria Música Popular, Djonga foi consagrado Artista do Ano. Ainda foram premiados o show de Emicida no Theatro Municipal, Ana Frango Elétrico (Revelação), Black Alien (“Abaixo de Zero: Hello Hell” foi o disco do ano), Pabllo Vittar (com o clipe da música “Amor De Que”), Itamar Assumpção (com o projeto Itamar 70). Beth Carvalho foi a grande homenageada do ano na categoria, que também celebra Walter Franco.

Os agraciados da categoria Artes Visuais, além da exposição ‘Leonilson por Antonio Dias“, foram: Grande Prêmio da Crítica: Tarsila Popular – MASP; Exposição Internacional : Man Ray em Paris – CCBB; Fotografia: Marc Ferrez – Instituto Moreira Salles; Retrospectiva: Franz Weissmann – Itaú Cultural; Arte e Reflexão: Galeria Transarte; Destaque: Luisa Strina – Recorte da Contemporaneidade.

A cerimônia de entrega a todos os artistas contemplados no Prêmio APCA 2019 acontecerá em 17 de fevereiro de 2020 no Teatro Sérgio Cardoso, localizado em São Paulo.

Foto destaque: Leonilson e Antonio Dias (Crédito: Divulgação)

Veja também