Cearense é selecionada em projeto de Ana Isabel Carvalho Pinto e Costanza Pascolato

Por Redação
Cearense é selecionada em projeto de Ana Isabel Carvalho Pinto e Costanza Pascolato
Marina Bitu é um dos promissores talentos da nova geração da moda brasileira. (Foto: Marília Camelo)

A designer cearense Marina Bitu foi selecionada para a 5ª edição do Novos Designers, projeto de Ana Isabel de Carvalho Pinto, co-founder do e-commerce Shop2gether, em parceria com Costanza Pascolato e o time da Vogue Brasil. A proposta é apresentar representantes promissores da nova geração da moda brasileira, oferecer uma consultoria de Costanza, além de um canal de vendas nacional.

O anúncio da escolha da cearense foi feito pela própria Ana Isabel, no Instagram, num post em que ela aparece usando uma peça desenvolvida por Marina na Feijoada da Vogue, que aconteceu sábado (8), no Rio de Janeiro. Ana Isabel e Marina Bitu se conheceram em 2019, durante a participação da empresária paulista no MaxiModa, evento promovido pela publisher do Site MT, Márcia Travessoni.

LEIA MAIS >> Cearense aposta em marca de alta costura para bebês em São Paulo

Conheça Beatriz Guedes, a pesquisadora e ativista cearense da moda sustentável

“Um mês depois recebi uma mensagem super carinhosa. Mal sabia ela que eu já a seguia e admirava demais seu talento criativo! Tenho o maior orgulho de anunciar o primeiro nome escolhido para a 5ª edição do projeto, representando nosso Nordeste e mostrando quantos talentos ainda não revelados existem no Brasil. Bem-vinda Marina, é uma honra poder usar suas criações e ser o veículo da sua genialidade”, escreveu Ana Isabel.

‘Processo engrandecedor’

Marina Bitu, por sua vez, disse que o projeto é um grande incentivador à moda jovem autoral brasileira. “Nós, novos designers, encontramos muitos desafios na construção da nossa carreira: o mercado disputado, a concorrência com grandes e já estabelecidas marcas… Muitas vezes, exercemos e acumulamos muitas funções, alem das criativas, para fazermos o negócio acontecer”, explica.

“Em muitos momentos, com poucos recursos, paixão por criar é o combustível que nos move nessa empreitada. Ser selecionada no projeto é um reconhecimento a todo o esforço que demandamos na construção das nossas marcas. Alem da visibilidade, trocar experiências com outros designers brasileiros e com grandes profissionais estabelecidos da nossa moda é um processo engrandecedor”, disse Marina, que comanda a marca que leva seu nome em parceria com Cecília Baima.

A designer ainda reforça que o Ceará tem muitos talentos e nomes importantes no segmento da moda. “Merecemos que os olhares se voltem para cá e que nossa moda receba cada vez mais fomentos. Estar no projeto pra mim é, além de tudo, carregar nossa cearensidade do criar e do fazer para onde eu for”.

LEIA MAIS >> Marrakech sob o olhar da fashion designer Marina Bitu

Veja também