Grupo 3corações anuncia e-commerce e projeta faturar R$ 5,2 mi em 2020

Por Itallo Rocha
Grupo 3corações anuncia e-commerce e projeta faturar R$ 5,2 mi em 2020
O objetivo do grupo, agora, é investir cada vez mais em tecnologia, para atrair novos clientes e fidelizá-los, explica o presidente da empresa, Pedro Lima. (Foto: Alex Campêlo)

O Grupo 3corações lançará, em abril deste ano, o e-commerce da empresa, que deve atender consumidores finais e também empresas que vendem os produtos da marca. De acordo com o presidente da instituição, Pedro Lima, a plataforma é uma das estratégias comerciais da 3corações para ampliar o faturamento, que deve totalizar em R$ 5,2 milhões neste ano.

Em entrevista ao Site MT, durante o almoço empresarial da Associação de Jovens Empresários de Fortaleza (AJE), na Federação das Indústrias do Estado do Ceará (Fiec), ele destacou que o objetivo do grupo, agora, é investir cada vez mais em tecnologia, para atrair novos clientes e fidelizá-los. A empresa já investe em um canal de vendas próprio há alguns anos, e, daqui a dois meses, com a nova plataforma, pretende ampliar o lucro, focando na comercialização das máquinas, cápsulas e cafés especiais.

LEIA MAIS >> Fiec e Instituto Mackenzie firmam parceria para cursos presenciais e à distância

Saiba quem são as personalidades agraciadas com a Medalha do Mérito Industrial 2019 e 2020

“Temos que entender que muitas pessoas compram pela internet atualmente, e nós devemos atender às expectativas delas. Estudamos o consumidor final e trazermos novidades para ele, que é o elo mais importante”, afirmou Pedro Lima.

Ele também destacou que a instituição tem um plano de aquisições de outras marcas regionais e que sempre está avaliando as oportunidades. Recentemente, a empresa comprou, por R$ 210 milhões, a Mitsui Alimentos e firmou a terceira parceria de joint venture, desta vez com a Positive Brands.

Joint venture

Pedro Lima acentua que a joint venture, modelo estratégico de aliança comercial, é uma oportunidade de criar valor para as duas empresas simultaneamente. “Isso impacta nas vendas, no impulsionamento das marcas. Tem que capturar a sinergia dos dois lados, e isso é bom”.

Com as novas aquisições e parcerias, o Grupo 3corações, que atualmente tem participação de mercado de 27%, prospecta um crescimento de até três pontos de market share. O presidente da marca frisou que a ideia é de faturar R$ 5,2 milhões neste ano.

“Somos agentes consolidadores do segmento que atuamos e queremos continuar criando valor”, enfatizou, completando que pretende ampliar o leque de países para onde exporta café.

Abertura de capital

Entusiasta da abertura de capital do grupo, o que levaria a 3corações a ter ações na bolsa de valores, Pedro Lima salienta que o conselho administrativo da empresa não descarta a possibilidade futuramente. Ressalta, no entanto, que não está nas metas estipuladas para este ano.

O presidente da instituição contou que até maio deste ano a empresa lançará o Centro de Serviços Compartilhados, no Eusébio, na Região Metropolitana de Fortaleza, onde os colaboradores passarão a trabalhar no mesmo espaço físico. O prédio teve investimento de R$ 60 milhões, valor financiado pelo Banco do Nordeste.

Veja também